Morreu no final da noite desta segunda-feira (19) em Porto Velho (RO), o travesti Francisco das Chagas Santos Cosme Júnior, 23, após passar mal durante aplicação de forma clandestina de hidrogel em uma casa na Rua Borba, bairro Socialista, na zona Leste. O travesti que aplicou o hidrogel foi preso por homicídio culposo (sem intenção de matar).

De acordo com as informações, o travesti estava em casa fazendo aplicação nas nádegas, mas em meio ao procedimento acabou passando mal e morreu após ter uma parada cardíaca. A vítima teria uma doença crônica, conforme a polícia.

O travesti autor do homicídio culposo foi preso de imediato com a chegada da Polícia Militar. Com 33 anos de idade, ele contou que havia sido contratado pela quantia de R$ 1.000,00 para fazer o procedimento na vítima e que já tinha experiência. Os materiais usados por ele foram apreendidos pela PM.

Fonte: Rondoniaovivo

Facebook Comments