Por Roberto Kuppê (*)

                                 Operação Iniquitate

O terrivelmente evangélico e “patriota” deputado estadual Marcelo Cruz, do Patriotas, foi alvo ontem, da Operação  “Iniquitate”.  De acordo com o Ministério Público, a investigação teve início a partir de denúncia de trabalhadores autônomos de que  estariam sendo extorquidos ao pagamento de valores em dinheiro por pessoas ligadas ao parlamentar estadual. Segundo consta, Cruz  destina suas emendas para execução dos projetos sociais para Associação Acreditar, uma entidade que em 2018 recebeu R$ 300 mil da prefeitura de Porto Velho, através de um convênio para “fomentar a sustentabilidade ambiental” e R$ 345 mil da SEAS em 2019, sem motivo aparente. A operação apura qual participação do deputado no esquema.

                                Operação Iniquitate 2

No início do ano, Cruz foi alvo de ação do Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio da Operação Dissimulação, destinada a desmantelar suposto esquema criminoso de restituição de gastos com saúde pela Assembleia Legislativa de Rondônia. Nessa ocasião, o gabinete de Marcelo Cruz também alvo de cumprimento de mandados de busca e apreensão. Nesta investigação do GAECO, revelou-se um suposto esquema criminoso envolvendo Cruz, profissionais da área da saúde e advogado. Apurou-se que o parlamentar foi submetido a procedimentos cirúrgicos de natureza estética, (mudança no nariz), apresentando posteriormente à ALE/RO notas fiscais e laudo médico de conteúdos. No início do ano, Cruz foi alvo de ação do Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio da Operação Dissimulação, destinada a desmantelar suposto esquema criminoso de restituição de gastos com saúde pela Assembleia Legislativa de Rondônia. Nessa ocasião, o gabinete de Marcelo Cruz também alvo de cumprimento de mandados de busca e apreensão. Nesta investigação do GAECO, revelou-se um suposto esquema criminoso envolvendo Cruz, profissionais da área da saúde e advogado. Apurou-se que o parlamentar foi submetido a procedimentos cirúrgicos de natureza estética, (mudança no nariz), apresentando posteriormente à ALE/RO notas fiscais e laudo médico de conteúdos possivelmente falsificados. (Com informações do Rondonotícias).

                                           Religião e Política

Não votem em quem usa a religião como plataforma política. Religião não deve se misturar com política. O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos) é um péssimo exemplo. Usa a Igreja Universal para enganar eleitores. Está envolvido em corrupção. Em Porto Velho, o terrivelmente evangélico Marcelo Cruz (Patriotas) foi alvo de operação. Cuidado com estes “cristãos”, defensores da família (deles).

                                     

                                       Excelente, Fabrício!

Fabrício Jurado é pré-candidato a prefeito de Porto Velho

Fabricio Jurado, pré-candidato a prefeito de Porto Velho pelo Democratas, defende a realização de um processo seletivo para a escolha da equipe que o auxiliará na gestão municipal. Os candidatos deverão passar por etapas de avaliação para apresentar experiência em gestão e as competências técnicas exigidas para um bom desempenho no cargo. “O processo seletivo possibilitará a escolha de pessoas que atendam aos requisitos necessários para exercer a função com a qualidade exigida, que sejam capazes de planejar e executar os serviços que a população necessita”, explica Fabrício.

                                                Solidariedade

Coronel Ronaldo Flores, pré-candidato a prefeito de Porto Velho

O ex-governador dr Rondônia e presidente do Solidariedade, Daniel Pereira, criticou, em entrevista, a indecisão de alguns pré-candidatos a prefeito de Porto Velho. DP disse que a indecisão de alguns não leva em consideração as necessidades do município e sim, de interesses próprios como as eleições de 2022. O SDD lançou o pré-candidato coronel Ronaldo Flores e terá como vice indicado do Partido Verde, que realiza convenção no dia de hoje, sexta-feira, 11. A do SDD será no dia 16 de setembro.

                                 Dia do Sim ou do Não

Chegando a hora da onça beber água. O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB) e os deputados federais Léo Moraes (Podemos) e Mauro Nazif (PSB) vão dizer sim ou não. HC é quase certo que não concorrerá à reeleição. LM tem articulado alianças mas não está conseguindo bons acordos. MN está entre a cruz e a espada também.

                                   Pesquisa aponta…

Um setor fez uma pesquisa para Porto Velho. Se alguns pré-candidatos tivessem acesso, com certeza desistiriam do pleito eleitoral. Segundo uma fonte, a pesquisa revela a tendência do eleitorado por mudanças.

Jovito do bem

Jovito Candury, pré candidato a vereador em Guajará- Mirim, pelo MDB nas eleições de novembro. Ele quer promover o turismo local com o incentivo ao desenvolvimento comercial, melhorar a infra estrutura da urbanização, exigir do poder executivo melhorias na saúde e educação. Para  Candury, há muito tempo que a população de Guajará-Mirim vem enfrentando sérias dificuldades para ser atendida devidamente, tanto na única unidade hospitalar da cidade quanto na educação publica do município.

 

                               Em Ji-Paraná, a vez da esquerda

Dois candidatos da esquerda vão agitar as eleições em Ji-Paraná. Ari Saraiva (PSB) e Claudia de Jesus (PT) estão bem posicionados na capital da BR-364, que costuma votar em candidatos progressistas.

                                    Ramon Cujuí

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto que diz ""O SERVIDOR PÚBLICO EXISTE PARA ATENDER AS NECESSIDADES DA COMUNIDADE. A REFORMA ADMINISTRATIVA DEVE PROTEGÊ-LOS E NÃO PUNÍ-LOS." RAMON CUJUI PRÉ-CANDIDATO PREFEITO DE PORTO VELHO /RAMONCUJUIRO /RAMON_CUJU RAMONCUJUI"A convenção do PT de Porto Velho será neste domingo, 13 de setembro. O nome de Ramon Cujuí será referendado e, provavelmente, o vice virá do PSOL, repetindo a dobradinha de 2018 para o governo. Ramon que é servidor público, defende ardorosamente a classe e critica a reforma administrativa proposta pelo governo Bolsonaro que privilegia militares e membros do judiciário.

 

                                       

                                           Viva o MST!

O compromisso do Movimento Sem Terra não é com Bolsonaro e o capitalismo. O movimento tem compromisso histórico no combate à fome!

                                 

                      Confúcio alerta: carne vai ficar cara

“De repente, mais que de repente, agora, no final de agosto, o boi gordo sumiu da praça de Rondônia. Os caminhoneiros das carretas boiadeiras estão quase parando. Alguns frigoríficos que trabalham para o mercado interno estão abatendo menos da metade que suas plantas suportam. E começou uma verdadeira guerra entre a concorrência. Algum motivo justo existe”, postou o senador Confúcio Moura (MDB-RO), no blog dele.

Filha de Roberto Jefferson

Autoridades policiais foram às ruas nesta sexta-feira (11) para cumprir um mandado de prisão contra a ex-deputada federal Cristiane Brasil, filha do ex-deputado federal Roberto Jefferson, que não é alvo da Operação Catarata. Estão sendo investigados supostos desvios em contratos de assistência social no governo do estado e na Prefeitura do Rio. O secretário estadual de Educação do Rio de Janeiro, Pedro Fernandes, foi preso. Na foto, a moralista diz sim ao impeachment  de Dilma, que profetizou: “não vai sobrar pedra sobre pedra”. Após a saída de Dilma, os golpistas estão sendo desmascarados um a um.

 

(*) Roberto Kuppê é jornalista e articulista político

Facebook Comments