E segue a caminhada do movimento 65 pelas ruas de Porto Velho, levando o projeto de união, pacificação e mudança apresentado pelo candidato a prefeito Samuel Costa e vice, Professor Pantera.

O candidato começou a semana caminhando pelas ruas da zona Sul da capital, uma região que em sua maior parte sofre com a ineficiência do poder público competente, onde a falta de acessibilidade, saneamento e serviços básicos tiram a qualidade de vida da população.

“A população da zona Sul de Porto Velho precisa dar um basta e acabar com décadas de esquecimento dos prefeitos que passaram pela nossa cidade. É uma área com um enorme numero de cidadãos que merecem viver com dignidade, tendo acesso aos serviços oferecidos por uma gestão municipal”, afirmou Samuel Costa.

De acordo com Samuel Costa não é apenas a zona Sul de Porto Velho que sofre, mas todas as regiões de periferia da cidade são simplesmente deixadas de lado pelos lideres políticos da cidade, deixando o gosto amargo do abandono à população.

“Nasci, me criei e moro em um bairro de periferia, sei bem como é ter de lutar desde cedo para conseguir acesso à qualquer direito que o poder público deveria disponibilizar à população, nosso cidade possui dois lados de uma mesma gestão municipal, a que é feita para os ricos e a que é feita para os pobres, nosso projeto é de unificar, somar e dar a todos o respeito que o portovelhense merece”, finalizou Samuel Costa.

Samuel Costa segue nessa reta final da corrida eleitoral andando pelas ruas da cidade e levando seu nome a população de Porto Velho, em uma onda que só cresce a cada dia.

Fonte: Assessoria

Facebook Comments