Candidato a prefeito em Porto Velho, Williames Pimentel ficou em sétimo colocado

Embora tenha sido o partido com o maior número de prefeitos eleitos no estado nas eleições municipais de 2020 – nove no total, o MDB administrará apenas 17,6% da população do estado. Entre os importantes municípios, o partido saiu vitorioso em Ji-Paraná e Rolim de Moura).

Apesar do MDB ser o que mais elegeu prefeitos nesta eleição, o partido teve uma queda de 30% em relação a eleição de 2016, quando o MDB emplacou 13 cidades.

Com a derrota do seu candidato a prefeito em Porto Velho, Williames Pimentel (ele foi o sétimo colocado), e a eleição de apenas um vereador na capital, além de largar mal para 2022, quando ao menos quatro candidatos competitivos para o governo estadual concorrerão, o partido tem que “construir” uma candidatura própria, uma vez que não tem, pelo menos agora, um nome relevante.

E, a julgar pela sua renitente resistência em se renovar, mais a enorme capacidade de eternizar caciques na sua estrutura partidária, o surgimento de um nome competitivo – que vá além do onipresente senador Confúcio Moura – parece ser tarefa quase impossível.

Diante da falta de reação do partido, parece que para o MDB de Rondônia, 2022 ainda não começou.

Fonte: Coluna Zona Franca

Facebook Comments