Morre Tuka Rocha, ex-piloto de Stock Car, 3ª vítima de queda de avião na Bahia

O ex-piloto de Stock Car Tuka Rocha (Facebook/tuka.rocha.stock/Divulgação)

Morreu na manhã deste domingo, 17, em Salvador, o ex-piloto de Stock Car Tuka Rocha, vítima da queda de um jato executivo em Maraú, na quinta-feira, 14. A informação foi confirmada pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Tuka é a terceira morte confirmada após o acidente. Outras sete pessoas continuam internadas.

Christiano Chiaradia Alcoba Rocha, 36 anos, conhecido como Tuka Rocha, morreu às 6h20, no Hospital Geral do Estado (HGE), na capital baiana, segundo a Sesab. Ele estava na unidade desde sexta-feira (15), quando havia sido transferido do Hospital Municipal de Salvador. Tuka teve 80% do corpo queimado.

O ex-piloto estava entubado para se recuperar de intoxicação causada pela inalação de gases tóxicos e de queimaduras superficiais. Ele passou por cirurgia durante a madrugada de sexta para a limpar as queimaduras. Ontem, os médicos informaram à família que seu estado era irreversível.

A queda do avião deixou duas outras vítimas fatais: Marcela Elias, figura muito conhecida na alta sociedade paulistana, e sua irmã Maysa. Marcela era casada com Eduardo Elias, filho de Jorge Elias, um dos maiores decoradores do Brasil, e Lucila. Marcela, que era jornalista e atuou por muitos anos como relações públicas, morreu carbonizada.

A segunda vítima morreu sábado

Maysa Mussi, vítima de acidente de avião na Bahia (Reprodução/Instagram/VEJA)

Morreu na noite deste sábado, 16, em Salvador, a segunda vítima do acidente com um jato que caiu em Barra Grande, na Bahia, ocorrido na quinta-feira, 14. Maysa Marques Mussi, de 27 anos, estava internada no Hospital Geral do Estado (HGE), na capital baiana, depois de ter sido transferida do Hospital do Subúrbio, onde estava internada desde o dia do acidente. A informação foi confirmada pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

O acidente já havia causado a morte da irmã de Maysa, a jornalista Marcela Brandão Elias, de 37 anos, nora do decorador Jorge Elias. O corpo dela, que ficou carbonizado, foi levado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Ilhéus.

Maysa casou com Eduardo Mussi em setembro, no sul da Bahia. O marido dela está internado no Hospital Geral do Estado (HGE). Ele é irmão do deputado federal licenciado Guilherme Mussi. Entre os padrinhos do casamento de Maysa e Eduardo estavam a atriz Marina Ruy Barbosa e o marido, o empresário e piloto da Stock Car, Alexandre Negrão.

O avião bimotor Cessna 550 transportava amigos e parentes para um final de semana na Bahia. A bordo estavam: Eduardo Trajano Elias (filho da Lucila e do Jorge, o viúvo), Marcela Brandão Elias (vítima fatal) o filho deles, Eduardo Brandão, de 6 anos, Tuka Rocha (ex piloto de stockcar, ainda em estado grave), Maysa Mussi, Eduardo Mussi (irmão do deputado Guilherme Mussi), Cristiano Rocha, Marcelo Constantino Alves, Marie Cavelan, Fernando Oliveira e o piloto da aeronave, Aires Napoleão Guerra.

Fonte: Veja

Facebook Comments