mauraoooooooAo participar no final de semana do lançamento da 38ª etapa da campanha de vacinação do rebanho contra a febre aftosa, em São Felipe do Oeste, o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PP), defendeu que é preciso manter constante vigilância sanitária, para garantir a qualidade da carne e os mercados abertos ao produto.

Hoje, Rondônia conta com um rebanho aproximado de 12 milhões de cabeças e graças ao status de livre da febre aftosa, exporta a carne para mais de 20 países, gerando empregos e renda para toda a cadeia da pecuária.

“Por isso, é fundamental que haja a manutenção do status sanitário, com a vacinação do rebanho. É um trabalho que depende dos órgãos governamentais, mas principalmente dos criadores que têm um papel decisivo nessa conquista”, destacou.

Maurão defendeu ainda que a Agência Idaron receba investimentos, para que possa desempenhar a sua missão de vigilância sanitária a contento. “É preciso fortalecer a Idaron, pois com isso estamos defendendo a nossa economia. Temos que buscar os meios de melhorar as condições de trabalho, com investimentos em veículos e equipamentos”, observou.

A campanha de vacinação vai ocorrer entre os dias 15 de abril a 15 de maio, com o prazo final de 22 de maio para o produtor comunicar à Agência Idaron a vacinação de seu rebanho.

 

ALE/RO – DECOM – [Eranildo Costa Luna]

Foto: Marisvaldo José

Facebook Comments