Tenda do Sebrae na praça Getúlio Vargas, em Porto Velho. Foto: Vanessa Moura/Portal Amazônia

Tenda do Sebrae na praça Getúlio Vargas, em Porto Velho. Foto: Vanessa Moura/Portal Amazônia
Tenda do Sebrae na praça Getúlio Vargas, em Porto Velho. Foto: Vanessa Moura/Portal Amazônia

PORTO VELHO – Empreendedores em busca de abrir um negócio têm nesta semana a oportunidade de buscar orientações junto ao Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado de Rondônia (Sebrae/RO) durante a 7ª Semana do Microempreendedor Individual. O evento começou segunda-feira (13) e segue até sábado (18).

A proposta é levar ao público palestras e oficinas gratuitas que ensinam e apontam os benefícios em regularizar e expandir empreendimentos. O evento é realizado nos pontos de atendimento do Sebrae nos municípios de Ariquemes, Cacoal, Ji-Paraná, Guajará-Mirim, Pimenta Bueno e Vilhena. Já na capital, uma tenda foi montada na praça Getúlio Vargas, na avenida Presidente Dutra, em frente ao Palácio do Governo.

Microempreendedora Consolação Frota busca orientação na tenda do Sebrae. Foto: Vanessa Moura/Portal Amazônia

A microempreededora Consolação Frota, 50 anos, aproveitou a oportunidade. ‘‘Aqui a gente tem todo um apoio, uma estrutura. Passamos a existir para os bancos a partir do momento que estamos documentados. Agregamos não só valores financeiros, mas também de credibilidade’’, afirma.

Consolação trabalha com o ramo de alimentos e realização de eventos. O negócio já tem 25 anos, mas só foi regularizado há três anos. Agora, ela procura mais conhecimento para levar o empreendimento ainda mais longe. ‘‘Todo microempreendedor tem direito de existir, ter acesso à linha de crédito, crescer. Pra mim a diferença após a regularização foi enorme. Consegui empréstimo, expandi meu negócio, as portas se abriram’’, assegura.

Regularização

Assim como Consolação, há cerca de 3 mil pessoas regularizadas como microempreendedoras individuais em Rondônia, segundo o Sebrae.  Para os que querem se juntar a eles, o Sebrae preparou uma palestra especial com o tema ‘‘Saiba como se tornar um Microempreendedor Individual (MEI)’’, das 10h às 11h, durante toda a semana.

Expectativa é de 200 atendimentos por dia. Foto: Vanessa Moura/Portal Amazônia

Já para os que já tem um negócio formalizado, há oficinas com os temas Sei Controlar meu Dinheiro, Sei Planejar; Sei Comprar; Sei vender; Sei Empreender; Sei Planejar e Sei Vencer. ‘‘O nosso principal foco é formalizar e capacitar. A nossa ideia é atender 200 pessoas por dia’’, afirma a analista do Sebrae/RO, Hélen Oliveira. É considerado microempreendedor individual aqueles que faturam até R$ 60 mil por ano e pode ter um empregado contratado.

A analista faz uma avaliação do panorama empreendedor de Rondônia. ‘‘O comércio é o setor que mais cresce, com lojas segmentadas que começam como mercearias de bairros. Na sequência nós temos os pedreiros como os que mais se formalizam. É importante que mesmo aqueles que não se formalizem sejam orientados, saibam o caminho a seguir’’, aponta.

Uma das orientações dadas aos microempreendedores é a aproveitar o potencial amazônico. ‘‘Nós temos vários perfis de negócios, inclusive voltados para a extração vegetal, para trabalhar com aquilo que é da terra, criar uma identidade cultural e com isso enriquecer cada vez mais a cultura do Estado, levando para o comércio, serviços e indústria’’, afirma a analista.

Confira a programação em Porto Velho:

Terça-feira, 14 de abril

14h às 17h30 – Oficina: Sei controlar o meu dinheiro
19h às 22h – Oficina: Sei vender

Quarta-feira, 15 de abril

10h às 11h – Palestra: Saiba como se tornar um MEI
14h às 17h30 – Oficina: Sei comprar
19h às 22h – Oficina: Sei empreender

Quinta-feira, 16 de abril

10h às 11h – Palestra: Saiba como se tornar um MEI
14h às 17h30 – Oficina: Sei controlar o meu dinheiro
19h às 22h – Oficina: Sei planejar

Sexta-feira, 17 de abril

10h às 11h – Palestra: Saiba como se tornar um MEI
14h às 17h30 – Oficina: Sei comprar
19h às 22h – Oficina: Sei vender

Sábado, 18 de abril

9h às 12 – Oficina: Sei controlar o meu dinheiro

 

Facebook Comments