Israel X Hamas: Porto Velho terá manifestação em defesa da Palestina

0
165

 

Nesta terça-feira, (amanhã), 14 de novembro, diversas entidades de classe e ativistas estarão se reunindo para sair em marcha pelas ruas da capital rondoniense. A manifestação é convocada pelo Comitê de apoio à Resistência Palestina – Rondônia, pelo Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos (CEBRASPO), Associação dos Docentes da Universidade Federal de Rondônia (ADUNIR-Seção Sindical do ANDES-Sindicato Nacional), Movimento Bem Viver – Rondônia, DCE/UNIR, SINASEFE, CACS/UNIR, CAGEO/UNIR, CAPED/UNIR, HISTEDBR/UNIR, NEHLI/IFRO, NEABI/IFRO, GTGA/UNIR, Grêmio Estudantil do IFRO e outras entidades. O ato terá concentração às 16:30 no prédio histórico da Universidade Federal de Rondônia (UNIR Centro). 

O ato é fruto de intensa mobilização de entidades, a partir de um debate e ato que reuniu dezenas de ativistas no último dia 26 de outubro no auditório da UNIR Centro. O Comitê de apoio à Resistência Palestina tem realizado panfletagens, cine-debates e outras ações visando romper com o bombardeio pró sionismo dos monopólios de imprensa.  

Durante o mês de outubro de 2023 assistimos atônitos a intensificação da ofensiva brutal da colonização do Estado de Israel sob a Palestina e seu povo, prestes a completar um mês deste genocídio em curso já são quase 12 mil palestinos assassinados e 25 mil feridos, sendo quase a metade destas vítimas crianças. Segundo os organizadores, “A cada 10 minutos uma criança palestina é assassinada por Israel, e há que se falar em assassinato, não existe guerra, nem mesmo conflito, quando um Estado há 75 anos promove uma limpeza étnica para tomar as terras do povo palestino”.  

Na mais recente ofensiva Israel vem escolhendo mirar seus misseis diariamente para escolas, hospitais, igrejas e campos de refugiados, como justificar os injustificáveis crimes de guerra cometidos por Israel, que vem fazendo como vítimas famílias inteiras palestinas, sob a justificativa de que estes civis são escudos do Hamas. 

A concentração do ato será no prédio histórico da UNIR Centro a partir das 16h30 e pretende se estender até à noite com diversas manifestações.  

Maiores informações estarão disponíveis através do: https://www.instagram.com/comitepalestinaro/ e nas redes das diversas entidades que convocam a manifestação.