Ionay da Luz esteve pela primeira vez à frente do Rondoniense. Foto: Alexandre Almeida
Ionay da Luz esteve pela primeira vez à frente do Rondoniense. Foto: Alexandre Almeida
Ionay da Luz esteve pela primeira vez à frente do Rondoniense. Foto: Alexandre Almeida

O técnico Ionay da Luz lamentou o empate na noite desta quinta-feira com o Genus em 2 a 2, no estádio Aluízio Ferreira, pelo primeiro jogo da decisão do segundo turno do Campeonato Rondoniense 2016.

De acordo com o treinador, sua equipe não conseguiu administrar bem o resultado durante a partida. “Temos um grupo jovem, guerreiro e uma equipe rápida, mas que vou ter que equilibrar mais o emocional, que significa saber administrar uma partida quando você está ganhando”, destacou.

Sobre a proposta de jogo, Ionay da Luz ressaltou o trabalho feito para tentar sufocar o adversário em seu campo de defesa. “Fiz uma linha de quatro em um 4-3-2-1 saímos ganhando, fizemos 2 a 1. Era para segurarmos mais a linha de quatro atrás, mas pela ansiedade e a disposição em excesso eles se desmancharam. Precisamos buscar esse equilíbrio emocional e tático sem a bola para que possamos buscar o nosso resultado e para mim particularmente é um recomeço”, afirmou.

Ionay da Luz enfatizou a qualidade do adversário que fez com que o jogo fosse bastante disputado. “O Genus é um adversário forte e de qualidade, mas se o Rondoniense chegou. Nós temos amplas condições de buscarmos esse título. Foi um jogo movimentado com três atacantes de cada lado, um jogo aberto e bonito”, analisou.

Agora, o Rondoniense pensa no compromisso de domingo contra o Rio Branco-AC na capital acreana. “Precisamos trabalhar bastante a intensidade de jogo para que eles possam ganhar um pouco mais de conscientização coletiva e fazer uma grande exibição em Rio Branco. Vamos fazer uma nova proposta de jogo para chegar e surpreender o Rio Branco”, finalizou.

Rio Branco e Rondoniense duelam no domingo, às 16h30 (horário de Rondônia), no estádio Florestão, na capital acreana.

Fonte: Futebol do Norte

Facebook Comments