Foi encaminhado a UNISP de Jaru neste final de semana, um homem denunciado por estar se passado por um Policia Civil e realizando abordagens em inúmeras pessoas.

A Policia Militar compareceu na madrugada de domingo (08) ao local dos fatos, Avenida JK próximo uma casa de eventos, onde ouviu relatos de dezenas de pessoas entre homens e mulheres, que disseram ter sido “enquadrados” por um elemento de óculos escuro que dizia ser Policia Civil.

O falso policial foi acusado de ter realizado revista pessoal em pelo menos 30 pessoas, “mão na cabeça, você está com drogas”, foi algumas das palavras dita pelo acusado com bastante veemência e entonação.

Uma das pessoas revistadas, foi acusada de estar comercializando entorpecentes e ameaçada de ser presa e conduzida à Unisp.

Outras vítimas solicitaram a credencial do falso policial, porém foram coagidas, recuaram e passaram a atender as ordens do suposto PC.

Para PM as vítimas apontaram a autoria dos fatos a um elemento que estava no local, que por sua vez negou as acusações, porem diante do número de vítimas, ele acabou sendo detido e conduzido para a UNISP para se explicar, as verdadeiras autoridades da Policia Judiciaria Civil.

Fonte: Jaru Online

 

Facebook Comments