CONSUMIDORES PREJUDICADOS COM APAGÃO EM ARIQUEMES PODEM RECORRER AO PROCON, ORIENTA CHEFE DO ÓRGÃO

 

A dúvida de consumidores que se utilizam dos serviços no consumo de energia elétrica e que sofrem prejuízos com a perda de alimentos e produtos eletroeletrônicos sempre são questionados e a maioria fica sem saber dos seus reais direitos e como recorrer.

 

APAGA2A chefe regional do Procon em Ariquemes, Cleusa Gonzaga da Silva comentou sobre o direito do consumidor que sofre quaisquer prejuízos causados por falta de energia elétrica. “As empresas de energia são obrigadas, como fornecedoras de serviços, a reparar e ressarcir o consumidor por danos em equipamentos causados pela perda dos serviços” disse a chefe do Procon, com base as leis que regem o CDC – Código de Defesa do Consumidor.

 

APAGA1

O incidente causado pelo apagão ocorrido na terça-feira (4) pode ter causado prejuízos em diversos setores comercias de Ariquemes, o fato ocorreu na subestação localizada no município e que permanece instável até o fechamento da matéria.

 

Nota

 

A Eletrobras Distribuição Rondônia emitiu uma nota há imprensa informando que houve o deslocamento de uma Subestação Móvel para a cidade e, após os procedimentos de instalação e ajuste da mesma, houve a retomada da energia e consequentemente a distribuição de energia para que Ariquemes pudesse retomar suas atividades normais.

 

Em nota, a Assessoria de Comunicação Social e Relações Institucionais da Eletrobras informaram que a subestação móvel é utilizada quando há necessidade de manter a energia elétrica no sistema de distribuição e na transformação de tensão, evitando o desligamento dos sistemas durante as manutenções de alguma subestação.

 

CARRETA

O veículo utilizado é um equipamento compacto, montado sobre uma carreta, possui capacidade de 26,6MVA de potência e transformação de alta tensão de 69KV ou 34,5kV para média tensão em 13,8kV, com capacidade de abastecer de energia elétrica a metade da população de Ariquemes.

 

O fato

 

THIAGO

O incidente é tema de especulação, pois não se sabe o real fator que ocasionou o apagão, segundo informações do gerente local da Eletrobras Ariquemes, Thiago Ribeiro Cunha, pode ter sido um fenômeno da natureza, mais tipicamente de um raio com descarga suficiente para ocasionar todo o comprometimento de distribuição de energia que afetou outros municípios de recebem fornecimento da distribuidora.

 

A intensidade do clarão ocasionado pela descarga elétrica ou danos na subestação, foi observada por moradores em diversos setores do município de Ariquemes, quando ocorreu o incidente já era período noturno com horário aproximado as 11horas do dia quatro, assustando moradores próximos da subestação e deixou populares em alerta com o ocorrido.

 

Alexandre Fernandes

Facebook Comments