Botafogo repete pior sequência no Campeonato Brasileiro

0
210

Com um futebol bem abaixo do que apresentou ao longo do Campeonato Brasileiro, o Botafogo foi derrotado pelo Vasco. Sem criar grandes chances e apresentar riscos ao seu adversário, o Alvinegro deu a oportunidade ao Cruz-Maltino deixar a zona de rebaixamento.

Com o resultado, a equipe de Lúcio Flávio igualou a pior sequência do clube na competição que havia sido ainda sob comando do técnico Bruno Lage. Na época, o líder da competição também ficou quatro jogos sem vencer, tendo três derrotas para Flamengo, Atlético-MG e Corinthians, além do empate com o Goiás.

Nos últimos 10 jogos, o Botafogo conquistou apenas duas vitórias e viu sua vantagem sobre os demais times do Campeonato Brasileiro evaporar. Nesse momento, o clube de John Textor tem 59 pontos, assim como o Palmeiras, mas vê o RB Bragantino colado no retrovisor, enquanto Grêmio, Atlético-MG e Flamengo correm por fora na disputa pelo título.

Sem muito tempo para lamentação, a equipe de Lúcio Flávio encara o Grêmio, na quinta-feira (9), em um duelo visto como decisivo para as pretensões no Brasileirão. Além de atuar no Rio de Janeiro, embora em São Januário, a 33ª rodada da competição reserva um confronto direto entre Flamengo e Palmeiras e um jogo complicado para o RB Bragantino contra o São Paulo, no Morumbi.

Após a derrota para o Vasco, o comandante do Alvinegro ressaltou o espírito do elenco no vestiário, que irá buscar uma reação diante do Imortal. No entanto, o time não contará com a presença de Tiquinho Soares, que estava pendurado e recebeu um cartão amarelo. Com isso, Diego Costa deve assumir a vaga de titular.

– A partir do momento que você não consegue ganhar, você acaba ficando estagnado. Sabíamos as partidas que teríamos nessa reta final. O Botafogo conseguiu impor uma distância boa, mas perdemos essa gordura nas últimas rodadas. Ninguém está satisfeito. Entendemos que não podemos cometer os erros que cometemos nesses últimos jogos contra o Grêmio. Em relação aos resultados, não foram os que queríamos.

Nesses dois próximos dias, Lúcio Flávio precisa pensar e trabalhar em diversos ajustes que precisam acontecer que vão além dos retornos de Adryelson, Victor Cuesta e Marlon Freitas. Ainda mais contra um adversário que vem embalado após quatro vitórias consecutivas apesar dos placares magros.

Se for derrotado, o Botafogo tem grandes chances de perder a liderança, seja para Palmeiras, seja para RB Bragantino. Além de ver o time de Renato Gaúcho chegando aos mesmos 59 pontos. No entanto, o Alvinegro vê uma vitória como a chance para voltar a ter uma margem restando apenas seis jogos para o fim da competição e se aproximando do título.

Fonte: Terra