Polícia prende 10 pessoas em nova operação no Orgulho do Madeira em Porto Velho

Policiais militares e civis realizam uma operação conjunta no residencial Orgulho de Madeira, nesta quarta-feira (4), para combater organizações criminosas que atuam no local. A ação é a terceira fase da Operação Iunctis Viribus, que significa forças integradas. Ao todo, foram 10 pessoas presas nesta fase da operação.

Segundo a Polícia Civil, duas armas foram apreendidas com suspeitos dentro do residencial localizado na Zona Leste. As outras prisões foram por receptação de veículos e de foragidos da Justiça.

Policiais militares montaram barreiras nas saídas do residencial e fizeram revistas em moradores e veículos. Na última sexta-feira (29), a mesma ação foi realizada com objetivo combater crimes na localidade.

Operação é realizada no Orgulho do Madeira nesta quarta-feira — Foto: Diêgo Holanda/G1

Fotos: Diêgo Holanda/G1

Ao todo, 18 mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo judiciário para serem cumpridos nesta etapa da operação.

Conforme a polícia, foram 26 pessoas presas nos três dias de operação. Na primeira fase foram 14 pessoas presas, enquanto que na segunda foram 2 prisões, e 10 nesta quarta-feira.

Um dos militares à frente da ação, o coronel Alexandre, comentou o objetivo da ação e pediu a ajuda dos moradores com denúncia às polícias. As informações podem ser passadas inclusive de forma anônima pelos números 190 e 197 da PM e Polícia Civil, respectivamente.

“A operação vai continuar porque o propósito da segurança pública, o propósito do Estado é devolver a essa sociedade que mora no Orgulho do Madeira a sensação de segurança porque a grande maioria são pessoas de bem e ordeiras”, declarou.

Fonte: G1

 

Facebook Comments