Olakson Pedrosa faz campanha em todo o estado sem dinheiro público

0
1164


PORTO VELHO-Professor Olakson Pedrosa, único candidato a deputado federal, servidor do IFRO em Rondônia, começa a surpreender e já desponta como provável surpresa nas eleições de 2018. Olakson Pedrosa, não está usando nenhum centavo de verba do Fundo Especial de Financiamento de Campanha. O candidato tem viajado pelo interior de Rondônia e por comunidades ribeirinhas do baixo madeira, onde há mais de seis anos desenvolve projetos sociais e tem como uma de suas principais bandeiras a Educação gratuita de qualidade. Olakson Pedrosa conta com apoio de cerca de 16 mil alunos da rede federal de Educação no estado, além de seus familiares e dos servidores da instituição.

Dentre suas principais propostas, na educação:

1 – Apoiar projetos e programas de valorização dos
profissionais (aquisição de equipamentos, estrutura de edificações, capacitação continuada, remuneração);
2 – Trabalhar para a efetivação do Plano Nacional de Educação (PNE) e do Plano Estadual de Educação (PEE);
3 – Destinação de 25% da verba de emenda impositiva de bancada para ser aplicada na Educação, incluindo investimento em ações de iniciação de pesquisa, ciência e tecnologia; 4 – Participação nas estratégias de fortalecimento de polos de EAD em parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia, levando Ensino superior a todos os municípios do Estado; 5 – Propor aumento do percentual de investimento do PIB
na Educação e apoio à implantação das escolas em tempo integral.

NA SAÚDE:
1- Apoiar projetos e programas de valorização dos profissionais (aquisição de equipamentos, estrutura de
edificações, capacitação continuada, remuneração); 2 – Apoio à regulamentação da emenda 29 (que assegura
recursos mínimos para serem destinados à saúde); 3 – Elaboração de projetos para a criação de hospitais de
urgências e emergências nos municípios do Estado; 4 – Reorganização e expansão dos Centros de Atenção
Psicossocial (CAPS); 5 – Fortalecimento da Atenção à Saúde no Estado, por meio da integração entre Atenção Básica, Níveis Secundários e Terciários de assistência.

NO AGRONEGÓCIO:
1 – Incentivo aos projetos que oportunizem a capacitação do pequeno produtor, dando suporte para agricultura familiar; 2 – Propor projetos de lei que assegurem a documentação das terras das populações ribeirinhas da Amazônia;
3 – Submeter propostas de desburocratização do acesso ao financiamento para o produtor rural; 4 – Apoiar ações de Manutenção das estradas para melhorar o escoamento da produção no Estado de Rondônia (manutenção periódica das estradas vicinais, duplicação da BR 364,); 5 – Assessoria técnica em parceria com a EMBRAPA e
EMATER, acompanhamento e fiscalização do acesso à matéria prima de qualidade (exemplo: alevinos da piscicultura).

NA SEGURANÇA PÚBLICA:
1 – Valorização dos profissionais (aquisição de equipamentos, estrutura de edificações, capacitação continuada, remuneração); 2 – Incentivar o investimento de empresas privadas em parceria com as penitenciárias (presos trabalhando para custear parte de sua estada no sistema prisional e recebendo parte de salário para ser destinado à família) 3 – Fortalecer os projetos educativos como PROERD da PM, e o projeto Aluno Monitor da Polícia Civil;
4 – Investimento em serviço de inteligência, objetivando monitorar e dar suporte para as ações efetivas de combate ao
crime organizado. Ações integradas das polícias podem tornar mais eficientes o monitoramento de fronteira em nosso
Estado. 5 – Atender com prioridade e parceria as reivindicações das classes de trabalhadores como polícia civil, polícia militar, corpo de bombeiros e agentes penitenciários.

POR QUE VOTAR NO PROFESSOR OLAKSON PEDROSA
PARA DEPUTADO FEDERAL?

1 – É a primeira vez que lança seu nome para avaliação do
eleitor;
2 – Como pessoa pública, tem experiência de 30 anos e
possui competência, habilidades e atitudes que o capacitam
para representar com dignidade, o Estado e o povo de
Rondônia;
3 – Participou da implantação do IFRO em Porto Velho,
onde atuou por mais de 4 anos na gestão pública
(Coordenação de Comunicação, Direção de Ensino,
Departamento de Extensão e presidência da Comissão
Permanente de Avaliação);
4 – É cientista pesquisador na área da Saúde e Ambiente
com trabalhos realizados nas comunidades ribeirinhas do
baixo Madeira;
5 – Doutorando em Desenvolvimento Regional e Meio
Ambiente.

Facebook Comments