Obras no Hospital de Guajará-Mirim avançam com instalações e serviços de infraestrutura

0
287

A obra do Hospital Regional de Guajará-Mirim avança, mesmo neste período de chuvas do inverno amazônico. Nas últimas semanas, foi concluída a fundação de oito novas áreas externas: enfermagem, lactário, lavanderia, necrotério, arquivo, manutenção, painéis e apoio indígena. A entrega da nova Unidade está prevista para o final deste ano.

Os trabalhadores estão atuando na colocação de pilares, vigas e lajes, e posteriormente trabalharão na alvenaria e revestimento. A modificação estrutural de áreas internas, que precisarão passar por adaptações para atender às normas de segurança e acessibilidade, também já foi concluída.

O titular da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Jefferson Rocha acrescentou que, “o Hospital de Guajará-Mirim, com o novo projeto, passa a cumprir legislações de acessibilidade, sustentabilidade e assim, pode ser integrado ao Sistema Único de Saúde (SUS)”, pontuou.

No corpo principal da edificação está em andamento, bem como a instalação dos serviços elétricos, hidráulicos, de gases medicinais e de climatização. Houve, ainda, a chegada de materiais que serão usados nas próximas semanas, como cabeamento elétrico, revestimento porcelanato de parede e protetor de parede em PVC (bate-maca).

NOVO HOSPITAL

O Hospital Regional de Guajará-Mirim terá uma área total de 4.674 metros quadrados, com 50 leitos para adultos e 12 leitos pediátricos, além de dois consultórios, três salas para parto normal e duas salas para cirurgias e atendimentos de emergência.

A conclusão da obra está sob a responsabilidade do Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (Unops), organismo vinculado à Organização das Nações Unidas (ONU), especializado em infraestrutura e gestão de projetos. O Unops tem um Acordo de Cooperação Técnica Internacional com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), para melhoria da infraestrutura hospitalar em Rondônia e o fortalecimento Institucional da Secretaria.

Secom – Governo de Rondônia