No Dia da Liberdade de Imprensa, Polícia Militar entrega medalhas a jornalistas em reconhecimento da missão social

Em alusão ao Dia da Liberdade de Imprensa, o Governo de Rondônia, por meio da Polícia Militar de Rondônia (PM/RO), realizou nesta segunda-feira (7), no Comando Geral em Porto Velho, uma solenidade com entrega de medalhas a jornalistas, personalidades militares e civis, e também o lançamento do livro ‘‘A Guarda Territorial’’.

Durante a cerimônia, foi ressaltado que comunicação tem o poder de transformar vidas conscientizando a população de ações e serviços que estão à disposição em diversos eixos de desenvolvimento, assim também como cabe à imprensa alertar a população sobre medidas necessárias a serem adotadas pelo bem-estar comum.

A superintendente de Comunicação do Estado de Rondônia (Secom), Rosângela Silva, que esteve na cerimônia representado o governador Marcos Rocha e recebeu a medalha de Mérito de Comunicação Social, destacou o compromisso com a verdade na comunicação institucional e o importante trabalho de alinhamento com a imprensa rondoniense para garantir que a população tenha acesso às informações de forma transparente e ética.

‘‘Verdade. É isso que a população quer da imprensa. Então hoje no dia que comemoramos o Dia da Liberdade de Imprensa, que a gente faça uma reflexão da importância de aproveitar esse direito de liberdade para se expressar sobre aquilo que é real, e não com fake news, mas sim com uma comunicação de qualidade, clara, objetiva e justa. Quero parabenizar toda a imprensa do Estado de Rondônia e toda a imprensa nacional por ser parceira em levar a informação à população”, afirma Rosaângela.

A superintendente reforçou ainda que a presença da imprensa é diária na vida dos cidadãos através da TV, rádio ou mesmo das plataformas digitais, um trabalho feito por homens e mulheres que têm a honra e ao mesmo tempo a responsabilidade de informar com ética à população. Pessoas quem ajudam, por exemplo, a população estar consciente da árdua missão da Segurança pública de garantir a proteção da população diariamente. O secretário de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), coronel José Hélio Cysneiros Pachá, que também recebeu a medalha de Mérito de Comunicação Social, parabenizou a imprensa pelo trabalho sério e imparcial, e a Polícia Militar pelo reconhecimento aos ícones da comunicação do Estado.

O comandante da PM, coronel Alexandre Luís de Freitas Almeida, ressaltou que a liberdade de imprensa está diretamente relacionada à democracia, onde os profissionais têm o compromisso em informar de forma fidedigna e coerente.‘‘O que seria da Polícia Militar se não pudéssemos divulgar tudo o que temos feito? A imprensa é fundamental para prestarmos conta das nossas ações. E hoje tivemos a oportunidade de materializar esse agradecimento entregando medalhas aos profissionais ’’, afirma.

O diretor de Comunicação, capitão Alex Carvalho de Miranda, considerou a cerimônia como um momento histórico para a Comunicação Social da corporação e para a imprensa.‘‘É um momento importante de reflexão de que esse direito de liberdade é muito valoroso para todos nós da Comunicação Social. Aa Polícia Militar tem desenvolvido muitas ações nessa área e estreitado a proximidade com a imprensa’’.

HOMENAGENS

O jornalista Lenilson Guedes, homenageado com a medalha Honra ao Mérito de Comunicação Social, teve seus trabalhos desempenhados há 40 anos pela Polícia Militar reconhecidos. ‘‘Para mim é uma honra receber essa homenagem’’, pontuou.

Para o jornalista Paulo Ricardo Leal, que também recebeu a medalha Honra ao Mérito de Comunicação Social, as homenagens reforçam o reconhecimento do Governo de Rondônia ao trabalho desempenhado pela imprensa. ‘‘É uma honra ter recebido essa homenagem do Governo, por meio da Polícia Militar, em reconhecimento do trabalho desempenhado não só por mim, mas por toda a Secom, que tem se empenhado em divulgar as ações da corporação que tem um leque de atividades, que engloba a própria segurança da sociedade, assim também como ações sociais, educativas e de consciência ambiental. Essa homenagem é grandiosa para mim como jornalista e como integrante da família Secom’’, considera Paulo Ricardo.

Ainda receberam a mesma condecoração Joelma Rodrigues da Silva, o conhecido apresentador de programas policiais da capital rondoniense, Dalton Di Franco e a jornalista Maríndia Moura.‘‘Nós somos formadores de opinião, então a nossa responsabilidade sempre é muito grande, pois colocamos no ar através da TV, rádio ou mesmos nos sites a verdade, mesmo que seja o que não querem ouvir, pois o nosso papel é mostrar o que realmente está acontecendo, sem acrescentar nada, sem opinião própria, apenas reportar, transmitir o que recebemos de informação. Considero essa homenagem no Dia da Liberdade de Imprensa especial, fiquei muito honrada, feliz e emocionada’’, considera Maríndia.

IN MEMORIAN

Na cerimônia houve a entregada medalha de honra ao Mérito de Comunicação Social in Memorian ao Luis Antônio de Oliveira, filho da jornalista Cléo Subtil; ao Solano Ferreira que representou o jornalista Marcelo Benesby, e ao Léo Ladeia, representando o historiador, economista e jornalista Anísio Gorayeb.

O estudante Luis Antônio de Oliveira destacou o orgulho ao receber a homenagem de reconhecimento ao legado deixado pela mãe, a jornalista Cléo Subtil, com quem aprendeu a importância do papel social da imprensa. ‘‘Minha mãe sempre teve orgulho e honrou a profissão, sempre defendeu o exercício da liberdade de imprensa e ficamos muito felizes com a homenagem, pois demonstra o quanto ela era respeitada e reconhecida. É uma saudade muito grande dela e é sempre bom saber o quanto ela era querida’’.

Léo Ladeia também destacou a alegria do reconhecimento feito ao amigo Anísio Gorayeb e falou sobre a missão especial que a imprensa exerce na sociedade. ‘‘Nós da imprensa de Rondônia construímos uma relação respeitosa entre órgãos de segurança. A imprensa analisa os fatos para divulgar só o que é real. E a liberdade de imprensa é algo construído todos os dias e necessária para nossa democracia. Fico feliz com a homenagem ao meu querido amigo, Anísio Gorayeb, e com o reconhecimento dado à imprensa pela Polícia Militar’’.

Ainda somaram à lista de homenageados demais jornalistas e proprietários de veículos de imprensa, assim também como militares pelo apoio à comunicação social.

LIVRO ‘‘A GUARDA TERRITORIAL’’

A entrega das medalhas foi acompanhada do lançamento do livro  ”A Guarda Territorial”, de autoria do capitão PM Tarciso Pereira da Silva Júnior, que destacou o orgulho de contar sobre a origem da Polícia Militar e contribuir, desta maneira, para que a a população entenda cada vez mais o valor da instituição.

A obra, além de contar a origem da Polícia Militar de Rondônia, destaca a presença de militares na amazônia rondoniense, as organizações militares precursoras da guarda territorial, as atribuições da Guarda Territorial, a transformação da Guarda Territorial em Polícia Militar e ainda traz informações sobre os pioneiros da guarda territorial.

 

Fonte: Secom – Governo de Rondônia

Facebook Comments