Política Com ‘acordão’, CPI da Covid-19 acabará em pizza, diz senador

Com ‘acordão’, CPI da Covid-19 acabará em pizza, diz senador


 

Eduardo Girão defende que a CPI deve investigar a União, mas também os “centenas de bilhões de reais” enviados pelo governo federal a Estados e municípios para o enfrentamento da crise sanitária.

“CPI como essa que deveria ser ampla, justa e independente, deve buscar se aprofundar nos fatos, avaliar se houve omissão, dolo com relação ao enfrentamento da pandemia. Isso que a gente quer, quer chamar ministro da Saúde desde o começo, ouvir Mandetta TeichPazuello“, afirmou, lembrando que o papel do colegiado deve ser avaliar os fatos, sem blindar ou pré-julgar os possíveis investigados. “A gente tem que investigar tudo, não pode blindar ninguém, nem pré-julgar. Mas colegas da comissão já estão dizendo quem é o culpado”, disse. “O que não podemos diminuir, a sociedade está cobrando, é que pegue um pra cristo, isso não é correto”, completou. Segundo o senador, os parlamentares estão discutindo como se dará a instalação da comissão, avaliando o funcionamento presencial ou, até mesmo, híbrido. “O mais importante é que atenda as expectativas, os anseios da população, que está mobilizada e querendo que seja uma CPI para valer, não blindagem de certas pessoas da República.”

Fonte: Jovem Pan

Facebook Comments