Coluna do RK- Bastidores da Política Nacional e Regional

A jiripoca vai piar

Enquanto Moro desmorona junto com o governo que não se entende, Bolsonaro tenta desviar o foco para Joaquim Levy, que acaba de pedir demissão do BNDES. Não bastará Bolsonaro levar o ministro Sérgio Moro para o estádio da Fonte Nova ver Brasil e Equador, como fez na outra vez que o The Interceptdesmascarou o “paladino da moralidade”. Quem está numa situação insustentável é Moro, que precisa ser demitido para demonstrar que este governo não é conivente com a o que está sendo divulgado em doses homeopáticas pelo site de Glenn Greenwald. Segundo o jornalista premiado com o Pullitzer (o máximo do jornalismo, equivalente ao Oscar), ainda tem mais: vídeo, áudio e algo mais robusto. Quem viver, verá.

 

Lula cachaça, Bolsonaro, merda

Em tom ácido, Bolsonaro respondeu a fala de Lula sobre a facada que ele levou em Juiz de Fora, que acabou elegendo-o. O presidente disse que se dessem uma facada no petista “sairia muita cachaça”. Da barriga de Bolsonaro, todo mundo viu o que saiu: só merda. Ele podia ter ficado calado. Bolsonaro é um grande poeta de boca fechada.

Rodrigo Maia, presidente

O presidente do Senado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) está trabalhando para ser candidato à presidência da República em 2020. É o que se percebe a cada passo que ele dá. É a favor da reforma da Previdência, mas não a do governo. Vai tentar uma com marca e logotipo do Congresso Nacional. Maia vai fazer tudo para inviablizar o governo Bolsonaro, como Eduardo Cunha fez com Dilma. Quem viver, verá.

 

Lula, o cara

Observem atentamente o que Lula previu no dia 10 de maio de 2017…..está acontecendo agora. neste momento…

 

Soldado Heleno

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno disse, em tom exaltado, disse que o ex-presidente Lula deveria ser condenado a prisão perpétua. “Na minha opinião, e eu sempre tive essa opinião. É minha, hein? Não é do presidente, é minha: um presidente da República desonesto tinha que tomar uma prisão perpétua. Isso é um deboche com a sociedade”, afirmou. “um presidente da República desonesto tinha que tomar uma prisão perpétua”. Ele tem toda a razão, mas direcionou a mira pro lado errado, é o que constata os vazamentos dos diálogos entre Moro e a equipe da Lava Jato. Se “um presidente da República desonesto tinha que tomar uma prisão perpétua”, Bolsonaro é o endereço certo para a os desejos do soldado Heleno. Na verdade, os militares já tomaram o poder via eleições em 2018. Dificilmente largarão o osso dessa vez. Vai ter luta e talvez até uma guerra civil pela frente. A ditadura militar está em curso novamente.

 

 

Internauta fala de Marcos Rocha

Um internauta do qual resguardamos a identidade, postou mensagem no DF1, sobre a matéria Governador de Rondônia diz que não precisa da bancada federal e passa vergonha em Brasília . O que ele diz é impressionante e revela que o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha (PSL), tem o mesmo perfil de Bolsonaro, a quem segue. Veja o que o internauta postou: “Esse Governador desde o início dava pra ver que era fraquinho. Tinha nomes bons para o governo deste Estado, mas, por conta da onda Bolsonaro ele se elegeu. Quando ele ganhou eu disse: ‘agora já ganhou mesmo então vamos torcer pra dar certo!’ O homem assumiu juntamente com sua esposa que é secretaria da Secretaria de Assistência Social/SEAS. Eles, o casal, começaram a achar que eram Deuses. O que eu achei mais estranho é que pessoas que participaram da transição ele não recebia. Como se não bastasse, ele não atendia e nem atende nenhum ser humano vivente em seu gabinete. Alguns amigos meus, que vestiram a camisa na campanha, os coitados não ganharam nem muito obrigado. Foram desprestigiados, acho que até humilhados, pois andaram meses para ver se seriam atendidos por ele, para parabenizá-lo, e ele nunca recebeu. E os assessores dele? Cada qual o mais antipático e metidos. Eles estão com o rei na barriga literalmente! E o método de trabalho dele é mais esquisito, pois todos os que passaram (governos anteriores) tiravam um dia do mês ou da semana pra atender ao público. Teve um dos assessores que falou para o meu amigo, que ele não atende porque esse povo quer emprego e ele não é o Sine(kkk). É pra rir não é mesmo? O rapaz respondeu: ‘não todo mundo que quer precisa falar com o Governador está a procura de emprego!’ Outra coisa que ele só faz é dar satisfação do trabalho nas redes sociais, mas o povo quer é falar, apertar a mão etc… Ele talvez não saiba que o Teixeirão, o Santana, Piana e outros andavam na casa das pessoas pra comer bolo com café, nunca perderam uma eleição, agora esse com essa metodologia de trabalho, talvez não chegue ao final do mandato. Sinceramente eu ainda espero que ele mude esse sistema e que Rondônia tenha melhoras êxito!”.

 

Confúcio Moura

Na quinta-feira (13), o senador Confúcio Moura (MDB-RO) reuniu-se com a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina, para levar um pedido do Estado e do deputado estadual Ismael Crispim (PSB-RO), referente a renovação da assinatura do crédito fundiário de Rondônia, para que se possa assentar e agilizar mais a distribuição de terras no estado. O senador disse que foi num momento bom a reunião, e que tudo que foi pleitear já está resolvido. “Agora só falta mesmo o governador Marcos Rocha vir a Brasília para fazer esse acordo de cooperação e voltar a comprar terras e assentar pessoas no estado de Rondônia. Valeu a pena a audiência”, disse o parlamentar.

(*) Roberto Kuppê é jornalista e articulista político

Facebook Comments