A sigla LGBTQIA+ já é extensa, mas o sinal aditivo representa exatamente a capacidade de fluir e aumentar diariamente, para quem não sabe. Uma sigla que vem ganhando adeptos é a “p”, de pansexual, que busca acolher quem sente atração física, desejo sexual e amor independentemente do sexo ou identidade de gênero alheio. Nesta semana, o ator global Reynaldo Gianecchini se assumiu como panssexual e quebrou a web com tamanha revelação. Sendo assim, a coluna resolveu mostrar outros nomes conhecidos que também fazer parte da letra p dentro do arco íris.

O ator Reynaldo Gianecchini disse, em entrevista a EFE, que se considera pansexual. “Dizem que sou gay, mas não me considero assim. Eu me considero tudo ao mesmo tempo. Se existir uma palavra para mim, então é ‘pan’”, revelou.

Preta Gil revelou à Vogue Brasil no último mês que é uma mulher pan. Durante uma live no Instagram, Preta afirmou que havia dito em diversas ocasiões que era bissexual. Porém, agora se entende como pansexual. “Gosto de gente”, afirmou.

Janelle Monáe, cantora indicada ao Grammy, disse que achava ser bissexual. Mas, depois de ler sobre a pansexualidade, se identificou muito mais com o termo.

Miley Cyrus, a dona do hit Midnight Sky, revelou à revista americana Variety em 2016 que é uma mulher panssexual.

atriz Bella Thorne, que recentemente faturou US$ 1 milhão na plataforma de vídeos adultos OnlyFans, se declarou como panssexual no ano passado, durante entrevista ao Good Morning America.

indicada 9 vezes ao Grammy, Sia também faz parte da letra “p” dentro da sigla LGBTQIA+. A cantora contou sua orientação ao mais antigo jornal queer dos Estados Unidos, o Advocate.

atriz e modelo Cara Delevigne também escolheu a conceituada revista Variety para revelar a sua pansexualidade. “Eu vou sempre permanecer, eu acho, pansexual. Não importa como a pessoa se define, se é como ‘ele’, ‘ela’ ou ‘eles’, eu me apaixono pela pessoa — e é isso. Eu me sinto atraída pela pessoa”, disse. Cara já teve relacionamento com a cantora St. Vincent, a atriz Michelle Rodriguez, Ashley Benson, Paris Jackson e a já citada anteriormente nesta matéria, Miley Cyrus.

Fonte: Metrópoles

Facebook Comments