Júnior Martins e Márcio Bitencourt deiaram o VEC
Júnior Martins e Márcio  Bitencourt deiaram o VEC
Júnior Martins e Márcio Bitencourt deixaram o VEC

Porto Velho-(AFI) – O ex-treinador do Corinthians, e de vários outros times importantes, Márcio Bittencourt, não é mais o comandante do Vilhena, principal equipe de Rondônia. Márcio não vinha recebendo seus salários e depois de muita “enrolação” do presidente José Carlos Dalanho, resolveu abandonar sua aventura em Rondônia e voltar para São Paulo. A decisão de Bittencourt aconteceu antes mesmo da partida de domingo contra o Ariquemes, com o treinador já regressando para São Paulo. Sem técnico, o Vilhena venceu o Ariquemes por 1×0.

Leia mais:

Pela porta dos fundos: Bittencourt deixa o VEC após atraso de salários

Cheio de problemas, VEC mantém força e abocanha Ariquemes por 1×0

Na verdade o Vilhena, ao contratar Márcio Bittencourt, já para a Copa do Brasil, quando a equipe foi eliminada pela Ponte Preta, acabou exagerando, já que não tinha a mínima condição de pagar um profissional do prestígio de Bittencourt e, no final, como era de se esperar, acabou “dando calote”. O Vilhena é presidido por José Carlos Dalanhol, conhecido como “Gaúcho do Milho”. Dalanhol prometeu muito para Márcio Bittencourt e sequer conseguiu honrar o pagamento dos salários do badalado treinador e agora corre atrás de um substituto para comandar o time nos jogos no segundo turno do Campeonato Rondoniense e na Série D do Campeonato Brasileiro.

Com falta de credibilidade, será difícil o Vilhena arrumar um treinador de prestígio para comandar a equipe, até porque, além da falta de pagamento, Márcio Bittencourt deixou Vilhena decepcionado com a falta de estrutura da equipe que sequer tem médico para atender os jogadores machucados.

Junto com Márcio Bittencourt, o auxiliar Martins Junior também deixou o Vilhena, que disputa o Campeonato Estadual de Rondônia e se prepara para a Série D do Campeonato Brasileiro.

Facebook Comments