Vídeo: Secretário diz que Rondônia está “à beira do colapso” e confirma novas restrições para Porto Velho

Durante entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (15), o secretário de Saúde, Fernando Máximo, disse que Rondônia está à beira do colapso, com falta de profissionais e sem leitos de UTI para pacientes com Coronavírus.

Máximo disse, sem detalhar, que o Governo decidiu ampliar as medidas de restrição em Porto Velho e outros municípios. Pediu apoio da população para que usem máscaras, evitar aglomerações e que puder, fique em casa. “Tivemos que fazer um novo decreto para não colapsar”.

De acordo com o secretário há 439 pacientes internados com Covid no Estado. Na Capital há apena 11 leitos com UTI disponíveis: uma no Cemetron, uma no Hospital de Campanha, duas no Cero, 5 na AMI e duas no Samar. Nas últimas horas foram registrados 1.380 novos casos e 17 mortes.

Fernando Máximo afirmou que o Estado do Amazonas pediu apoio e Rondônia está ajudando no que é possível, com internação de pacientes de Humaitá, Lábrea e Apuí. “É uma questão humanitária, precisamos atender esses seres humanos que não tem pra onde ir”, disse.

 

Fonte: Mais RO com informações do Rondoniagora

Facebook Comments