O Vasco fez a primeira investida para substituir o técnico Vanderlei Luxemburgo. Trata-se de Abel Braga, que em 2019 comandou Flamengo e Cruzeiro. A diretoria cruz-maltina fez contato com o estafe do treinador e se prepara para iniciar negociações. A informação foi publicada primeiro pelo jornal Extra.

Em férias, Abel está viajando e não se encontra no Rio de Janeiro. O Vasco ouviu de Fábio Braga, filho e empresário, que o treinador estará de volta nos próximos dias, quando a negociação poderá avançar. Conhecido de muitos anos do presidente Alexandre Campello, Abel é o plano A para comandar o time em 2020.

Agora, o clube terá de superar um obstáculo que o fez perder Luxa: a proposta financeira. O Vasco não conseguiu chegar aos números pedidos pelo antigo treinador, que pediu valorização para seguir à frente do time.

Assim como o ex-técnico, Abel também cobrou caro dos últimos clubes pelos quais passou. Principalmente do Flamengo, onde iniciou este ano. Além disso, o clube passará por eleições em 2020, o que dificulta o acerto por um contrato mais longo.

Por outro lado, o clube aposta em repetir a estratégia que deu certo justamente com Luxemburgo. O Cruz-Maltino investiu no profissional mesmo em momento de baixa e conseguiu um contrato por valores mais baratos. É a situação em que se encontra Abel, que deixou os dois times que comandou neste ano em momentos delicados.

No Flamengo, o treinador pediu demissão ainda no primeiro semestre. Quanto ao Cruzeiro, saiu a três rodadas do fim do Brasileirão, que decretou o primeiro rebaixamento da história do clube mineiro. Se confirmada, esta será a terceira passagem de Abel por São Januário. Ele também comandou o Vasco em 1995 e 2000.

Fonte: Globoesporte

Facebook Comments