TSE rejeita último recurso de Aélcio da TV, que agora deve perder mandato

Por unanimidade, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou, nesta quinta-feira (22), os
embargos de declaração apresentados pela defesa do deputado estadual Aélcio da TV, contra decisão da própria corte, que manteve a decisão tomada pelo TRE, que cassou o mandato do parlamentar por abusos dos meios de comunicação durante a eleição de 2.018.

Com a nova decisão do TSE, o relator, ministro Luís Felipe Salomão deve determinar a
execução da sentença, afastando Aélcio da TV da Assembleia Legislativa.

Em meio às discussões do caso no TSE, a defesa do parlamentar recorreu ao Supremo
Tribunal Federal (STF), alegando descumprimento de decisões anteriores sobre liberdade de expressão.

A ação também foi negada e agora ele apresentou novo recurso, mas sem efeito suspensivo.

 

Facebook Comments