Tambaqui é o peixe mais procurado pelos consumidores na Semana Santa em Rondônia

O tambaqui é o peixe preferido do consumidor rondoniense e para exportação
O tambaqui é o peixe preferido do consumidor rondoniense e para exportação

Como a maioria da população de Rondônia, a dona de casa Maria do Perpétuo Socorro da Silva (Rua Montes Claros, Nacional) disse que aproveitou a terça-feira (22) para comprar o peixe da ceia de sua família para a Semana Santa, o que pode ser feito tanto nos supermercados como nas feiras livres em Porto Velho e em todo interior do Estado.

O peixe mais procurado é o tambaqui, que agrada ao bolso e ao paladar da maioria dos rondonienses, que podem comprar esta espécie a um preço que varia entre R$ 6,00 e R$ 9,00, dependendo do seu tamanho. Quanto maior for o peixe, também maior é o seu preço, esclareceu Jander Plaça, gerente de Piscicultura da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri).

O gerente informou Rondônia mantém uma produção anual de mais de 80 mil toneladas de pescado, tornando-se responsável pelo abastecimento de Estados como Amazonas – que compra mais da metade da produção rondoniense de pescado -, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, São Paulo, Tocantins, Goiás, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná, entre outros.

Pela ordem, os municípios de Ariquemes, Urupá, Cujubim, Mirante da Serra e Porto Velho lideram a produção de peixes em cativeiro no Estado, destacando-se também, além do tambaqui, na produção de espécies mais sofisticadas como o pirarucu e pintado, e uma grande variedade de outras espécies como a jatuarana, pirapitinga, piau, curimatá, etc, segundo informou o médico veterinário Érico Azevedo, da Coordenação de Animais Aquáticos da Agência de Defesa Agrossilvopastoril de Rondônia (Idaron).


Fonte
Texto: Cleuber R Pereira
Fotos: Marcelo Gladson
Secom – Governo de Rondônia

Facebook Comments