Vinícius é um dos favoritos

PORTO VELHO-O articulista Waldir Costa, ex-Diário da Amazônia e agora assinando coluna no Rondônia Dinâmica, considera que o pleito de 2020 está favorável para Vinícius Miguel (Cidadania), Williames Pimentel (MDB), Cristiane Lopes (PP) e Hermínio Coelho (PV). Tudo porque está na iminência de não disputarem quatro fortíssimos candidatos. “Além da espera pela definição do prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB), se concorrerá à reeleição –que as pessoas mais próximas a ele garantem que não– pelo menos mais três nomes de políticos que teriam condições de assumir o comando do Prédio do Relógio a partir de janeiro próximo, deputados federais Léo Moraes, presidente regional do Podemos, Mauro Nazif e o ex-governador Daniel Pereira, presidente do Solidariedade, não disputarão”, disse. Observando que Léo Moraes e Nazif não se definiram.

Sem o Grupo dos 4, os destaques ficam para o jovem advogado e professor da Universidade Federal de Rondônia-Unir, Vinícius Miguel (Cidadania), o também advogado Williames Pimentel, do MDB, a vereadora Cristiane Lopes (PP) e o ex-presidente da Assembleia Legislativa (Ale) e ex-presidente da câmara de vereadores da capital, Hermínio Coelho (PV). Certamente este segundo grupo de quatro pré-candidatos à chefia do executivo da capital colocaria um nome para o segundo turno. Temos ao menos mais uma dúzia de pré-candidatos e não está descartado um nome menos conhecido despontar como favorito da maioria da população. Hildon se elegeu e não era considerado favorito. Vinícius Miguel somou mais de 70 mil votos na capital, como candidato a governador em 2018 e nunca tinha disputado nenhum cargo público eletivo. As eleições desde 2016, estão menos previsíveis com a chegada das redes sociais”, apontou Waldir Costa.

Além de Vinícius, Pimentel, Cristiane Lopes e Hermínio, correm por fora os pré-candidatos Thiago Tezzari (PSD), Ramon Cujuí (PT), Coronel Ronaldo Flores (Solidariedade) e Samuel Costa (PCdoB), Eydes Brasil (PSL), Fabrício Jurado (DEM), Breno (Avante) e Lindomar Garçom (Republicanos).

Fonte: Mais RO com informações do Rondônia Dinâmica

Facebook Comments