PCt sinalizacao publica 800px 01    A Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (Semtran) está iniciando uma série de novas ações que visam incrementar a sinalização nas vias públicas da área urbana do município de Porto Velho. Na semana passada foi iniciada a construção de um redutor de velocidade na Rua José de Alencar, próximo à Rua Abunã, e os trabalhos deverão estar finalizados até na próxima terça-feira (27). “Trata-se de um local detectado como passível de muitos acidentes”, explicou Carlos Guttemberg, secretário da Semtran.

 

Também foram iniciados serviços de sinalização horizontal, uma vez que a sinalização vertical já está toda pronta, na Rua Venezuela entre as avenidas José Vieira Caúla e Rio de Janeiro. “Estamos implantando barras de retenção e sinalização PARE. Há necessidade de uma sinalização mais agressiva naquela área, pois a Semob realizou um bom trabalho de melhoramento daquela via e agora os motoristas estão transitando com muita velocidade. Já foram registrados alguns acidentes”, explicou o secretário.

 

Dentre as ações a serem iniciadas em breve, Guttemberg informou que elas serão implementadas por meio de remanescentes de uma mitigação com a Empresa Energia Sustentável do Brasil. São setecentos e cinquenta e cinco mil reais a serem gastos com sinalizações horizontais, verticais e auxiliares. “Desse montante, cem mil serão utilizados na recuperação de abrigos de ônibus e o restante será utilizado para sinalização viária das mais diversas regiões da cidade. Muita sinalização será realizada com esses recursos e setenta e nove escolas vão receber faixas-altas para assegurar o trânsito dos alunos e demais pedestres que acessam as unidades de ensino”, afirmou, explicando ainda que faixas-altas são espécies de lombadas pintadas com faixas de pedestres, a exemplo da que foi instalada à frente do Supermercado Centro Norte.

 

PCt sinalizacao publica 800px 02  Os valores a serem gastos serão assim divididos, seiscentos e cinquenta e cinco mil serão utilizados para sinalização dos bairros e da área central da cidade e cem mil será utilizado apenas para a construção de faixas-altas a frente das escolas. O serviço de construção das faixas-altas será executado por uma empresa contratada pela Jirau, de forma que os trâmites burocráticos farão com que esses trabalhos demorem ainda de vinte dias a um mês para serem iniciados. Quanto às demais formas de sinalização, já foram expedidas as ordens de serviços da Semtran para a execução desses trabalhos nos bairros Conceição, Tancredo Neves, Nova Floresta e JK I. “São bairros inteiros que receberão sinalizações verticais, horizontais e auxiliares”, destacou o secretário.

 

As sinalizações verticais são popularmente chamadas de placas de trânsito, as horizontais são faixas de pedestres e outras pinturas afixadas nos solos das vias públicas e a sinalização auxiliar são taxinhas e taxões, pequenos blocos refletores de luz, afixados nas vias públicas para melhorar a visibilidade noturna e para pontuar a separação das faixas de fluxos. Esse tipo de sinalização está sendo implantada atualmente na Avenida Mamoré. “Havia um contrato, entre a Caixa Econômica e a Sempre, que recebeu redução de metas nos serviços executados pela empresa que realizava ações nessa via. Isso possibilitou fazer toda a parte de sinalização vertical, horizontal e auxiliar.

 

Os taxões estão sendo afixados lá, principalmente com o sentido de divisão da pista central. À medida que a Semusb realizar a limpezas laterais das pistas, nós vamos dar prosseguimento também à sinalização horizontal no local”, finalizou o secretário.

Facebook Comments