Brasília- O senador Confúcio Moura (MDB-RO), publicou hoje no blog dele, praticamente apelando para que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS), continue no cargo. Confúcio Moura vem demonstrando descontentamento com o Executivo federal no trato com a pandemia do coronavírus. Para Moura, a prioridade tem que ser o combate ao Covid 19. “O governo deve injetar 500 bilhões na economia, nem que tire do oco do pau!”, postou. Confúcio, assim como Mandetta, é médico.

Aguenta, Mandetta!

A FRITURA DO MANDETTA

O Presidente fala uma coisa, soltar o povo na rua e abrir as lojas. Ele pensa no desemprego e no abalo da economia. O Mandetta tem falado o contrário, ficar em casa.

E quem manda, afinal de contas?

– Claro que é o Presidente.

O Ministro é um cargo de confiança, de livre nomeação, pode entrar e sair a qualquer momento. Só tem uma coisa o Mandetta passa confiança. Tem serenidade e conhecimento.

O Presidente, ainda não falou, mas dá para entender que está com raiva do Ministro. Imagina que (Mandetta) está querendo governar o país, liderar sozinho, estas coisas de ciumeiras, que não cabem neste momento.

Os dois estão certos, do mesmo jeito que um camarada fica na dúvida, quando se abre, no fim da estrada, dois ou três caminhos, que ainda não conhece: – qual caminho devo seguir?

Ontem, dia 30 de março (véspera do dia da revolução de 64 ou golpe), percebi a fritura do Ministro. Ele não concede mais entrevista sozinho. Cercado de ministros militares, procurador, o da infraestrutura (Tarciso que também é militar) e o Mandetta no meio.

Ele queria falar muito mais. Ficou por último. E limitou-se a dizer que faria a ciência, o técnico e o planejado.

O Jornalista perguntou: – se ele sairia ou se demitiria. Quem respondeu foi o general, chefe da casa civil: que não.

Coisa estranha.

O Mandetta está cercado. O Presidente passeia na rua. O Ministro não fala mais a palavra “isolamento”. Eu me conhecendo, como conheço, pediria demissão.

Mas, numa hora desta, alguém, mesmo encabrestado, pode ir “cobreando” no asfalto quente e conduzindo, com ouvidos moucos, a necessária política de proteção do povo brasileiro, como têm feito outros países.

Aguenta, Mandetta!!!! – Você é um pantaneiro resistente a carrapato e à mosca-dos-chifres. Não tem medo de jiboia nem de onça pintada.

(Veja aqui )

Facebook Comments