Secretário Fernando Máximo não foi alvo de buscas durante operação, diz assessoria da Sesau

0
4

A assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde (Sesau), em nota enviada à jornalistas na manhã desta quarta-feira (10), garante que o titular da pasta, Fernando Máximo, não foi alvo de buscas nem em seu gabinete ou na casa de dele, referentes a Operação Dúctil, que apura supostas irregularidades na aquisição, pelo Governo do Estado de Rondônia, de insumos e produtos hospitalares para o enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Confira

Informamos que a coletiva de imprensa: atualização sobre os casos de Covid-19 Da Secretaria Estadual de Saúde desta quarta-feira (10) será remarcada para um outro horário que será informado com antecedência por esta assessoria.

Informamos ainda que os mandados de busca feitos pela Polícia Federal na manhã de hoje na sede da Sesau ocorreram na Assessoria Técnica (Astec) e não no gabinete do secretário titular da pasta e nem em sua residência.

Todos os fatos estão sendo apurados e serão esclarecidos.