O novo treinador do Vasco, Ricardo Sá Pinto vai iniciar seu trabalho em um mau momento da equipe. O Cruz-Maltino não vence há 8 jogos, com 2 empates e 6 derrotas, a última neste domingo. Pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe de São Januário caiu diante do Inter, no Beira-Rio, por 2 a 0. A sequência de resultados fez o time cair na tabela e se aproximar da zona do rebaixamento.

Das arquibancadas, Sá Pinto assistiu a um Vasco sem vontade em Porto Alegre. Mais uma vez a equipe foi muito mal em campo e não ofereceu resistência ao Colorado nos 90 minutos.

Após a partida, o auxiliar Alexandre Grasseli, que comandou a equipe da beira do gramado, avaliou como natural a instabilidade. Esta foi a segunda partida que o ex-treinador do Sub-20 dirigiu o time desde a demissão do técnico Ramon Menezes.

“Eu vejo que esta instabilidade é natural nesse momento de transição. Uma semana e dois dias, três dias é muito pouco para qualquer treinador. E, na função que eu exerci de treinador interino, pude observar muitos pontos positivos. Muitos pontos que nós podemos ainda melhorar. É um grupo que se supera, que tem pontos importantes, principalmente no que se refere à lideranças positivas”, avaliou.

Grasseli, que será auxiliar permanente de Sá Pinto, está confiante que as coisas irão mudar a partir desta segunda-feira: “E eu vejo que com a nova equipe chefiada pelo mister Ricardo, nós teremos com certeza uma estabilidade maior. Não vai ser da noite para o dia, futebol não se faz assim. Mas com o nosso apoio e o comando dele, nós teremos uma direção, uma ideia de jogo que é muito importante. Um padrão, uma forma do Vasco se comportar. Aí sim eu acredito que vá diminuir consideravelmente a instabilidade”, afirmou.

A expectativa é de que o novo treinador já faça mudanças na equipe para a partida da próxima quarta-feira. O Vasco recebe o Corinthians em São Januário. Vivendo uma crise ainda mais profunda do que o Gigante da Colina, o Timão é visto como adversário ideal para a recuperação.

O Vasco corre para regularizar a situação de Sá Pinto para poder tê-lo na beira do gramado. Na manhã desta segunda, o mister esteve no consulado de Portugal, tratando do processo. Além do técnico, o Cruzmaltino também tenta regularizar seu mais novo reforço, o meia argentino Leonardo Gil.

O duelo desta quarta será também uma oportunidade do Vasco encerrar um tabu de 10 anos sem vencer o Corinthians. Ao todo são 18 jogos, com 11 derrotas e 7 empates.

Fonte: Gazeta Esportiva

Facebook Comments