O Governo de Rondônia tem interesse em facilitar a importação do sal produzido em Uyuni por empresários e comerciantes de Rondônia, anunciou o superintendente estadual de desenvolvimento Basílio Leandro (foto).

Acompanhado de três deputados estaduais e de dirigentes da Federação das Indústrias de Rondônia (Fiero), parceiros convidados, ele participará nesta terça-feira (26) da abertura da Feira Internacional de Cochabamba (Feicobol), na Bolívia. Autoridades rondonienses almoçarão com piscicultores, empresários do sal e de turismo.

No ano passado, uma comitiva boliviana iniciou tratativas nesse sentido, na 5ª Feira Rondônia Rural Show, em Ji-Paraná. Na Missão Rondônia-Cochabamba-Potosí, que vai durar cinco dias, a Suder seguirá identificando parcerias e promovendo as potencialidades econômicas do estado.

Nesse evento, que irá até o dia 29 de abril, autoridades das áreas econômica e diplomática do Brasil e do país vizinho estudarão a possibilidade de iniciar mais negócios bilaterais ainda este ano. “Para os bolivianos já exportamos o tambaqui produzido pelo Frigorífico Zaltana, de Ariquemes, o que é fruto de ação governamental; pretendemos agora estudar a melhor exportação de carne e fortalecer a rota turística”.

Novas perspectivas agora se abrem nas relações Brasil-Bolívia. Na Feicobol, o titular da Suder conversará a respeito da futura rota aérea entre Porto Velho-Trinidad ou Porto Velho-Santa Cruz de la Sierra, a ser feita pela empresa Ecojet.

Segundo ele informou, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) está próxima ao alfandegamento [autorização para armazenar mercadorias] do Aeroporto Internacional Jorge Teixeira de Oliveira. Paralelamente a essa medida, o aeroporto ganhará seu primeiro voo internacional.

Autoridades bolivianas presentes à Feicobol serão convidadas para o evento.

Leia mais:
Porto público de Porto Velho embarca primeira carga de madeira da Bolívia para o exterior
Comitê de Integração Fronteiriça se reúne em Guajará-Mirim com o desafio de consolidar integração do Brasil com a Bolívia

Fonte
Texto: Montezuma Cruz
Foto: Marcelo Gladson
Secom – Governo de Rondônia

Facebook Comments