Um homem foi preso nesta segunda-feira (6) suspeito de ter furtado um respirador mecânico do Hospital Municipal de Costa Marques (RO). A prisão preventiva foi cumprida durante a Operação Fôlego, da Polícia Civil. Mandados de busca e apreensão também foram cumpridos.

De acordo com a corporação, o suspeito conseguiu furtar o aparelho ao se aproveitar do fato de ser ex-prestador de serviços e manutenção na unidade de saúde. Ainda conforme a polícia, ele confessou ter vendido o respirador pela internet por R$ 18 mil a uma pessoa de Belo Horizonte (MG).

Com a informação da compra, uma equipe de investigadores do estado mineiro já aguardava a encomenda. Eles conseguiram recuperar o aparelho, além de prender o comprador da mercadoria.

A Polícia Civil de Rondônia informou que esta é a primeira etapa da operação, que deve se estender pelos próximos dias e meses em todo o estado.

O respirador mecânico é usado no tratamento de pacientes diagnosticados com o novo coronavírus que tenham falta de ar por inflamações nos pulmões e problemas na oxigenação do sangue e eliminação do gás carbônico.

Com a recuperação do aparelho, Costa Marques terá de volta a ventilação artificial para tratar da doença na região.

Fonte: G1 e Rondoniaovivo
Facebook Comments