Nesta segunda-feira (26/10), o Projeto Veritas, fazendo referência à eleição presidencial dos Estado Unidos,  publicou um tuíte afirmando que “a maior fraude da história eleitoral do ano chega amanhã”.  Já nesta terça-feira (27/10), o projeto divulgou um vídeo onde levantou acusações de um esquema de fraude eleitoral no Condado de Bexar.

Segundo o que foi divulgado, mais de um milhão e meio de pessoas já viram a fraude eleitoral da consultora política “republicana” Raquel Rodriguez atuando ilegalmente em favor dos democratas. Ela é mostrada aparentemente ajudando um eleitor a mudar seu voto do republicano John Cornyn para o democrata MJ Hegar.

“O que eu faço – pegar aquelas cédulas quando ele estava comigo – é ilegal. Eu poderia ir para a cadeia. Estou um pouco apreensivo para contar a alguém o que estou [palavrão] fazendo, sabe o que estou dizendo?”, Rodriguez explica no vídeo.

Rodriquez também diz que pode trazer pelo menos 7.000 eleitores às urnas.

O procurador-geral do Texas, Ken Paxton, no entanto, diz que seu escritório já está analisando a possível fraude eleitoral mostrada no vídeo.

“O que é mostrado no vídeo é chocante e deve alarmar todos os texanos que se preocupam com a integridade eleitoral. Estamos investigando agressivamente as graves alegações e crimes em potencial que as gravações de áudio e vídeo documentais do Project Veritas esclarecem hoje. Meu escritório está fortemente empenhado em garantir que o processo de votação seja seguro e justo em todas as eleições no Texas – um processo sobre o qual este vídeo infelizmente lança uma sombra de dúvida”, disse Paxton.

“A integridade eleitoral tem sido uma das minhas principais prioridades desde que assumi o cargo em 2015. Qualquer pessoa que tentar fraudar o povo do Texas, privá-lo de seu voto ou minar a integridade das eleições será levado à justiça e penalizado ao máximo extensão da lei”, afirmou o procurador.

https://twitter.com/Project_Veritas/status/1320897746216235008

https://twitter.com/allanldsantos/status/1320940408042606592

Fonte: Terça Livre

Facebook Comments