Profissionais destacam a importância do enfermeiro durante a pandemia

O Dia Internacional da Enfermagem, celebrado neste 12 de maio, deixa evidente o trabalho dos profissionais que têm papel relevante na saúde da população. E a Prefeitura de Porto Velho saúda todos esses profissionais, destacando a importância deles potencializada durante a pandemia da Covid-19. Trabalhando com determinação e compromisso, eles estão presentes desde a atenção básica à vacinação que está em andamento.

A Secretaria Municipal de Saúde tem profissionais de enfermagem em todas as 38 Unidades Básicas de Saúde (UBS).

Enfermeira há 30 anos, Angelita Mendes faz parte do quadro de servidores do município e revela que o papel dos profissionais é bastante amplo: “Vai da assistência direta ao paciente, passando pela assistência direta domiciliar até a gestão da saúde pública”, diz ela, que é gestora da Educação Permanente da Semusa.

Para Angelita, a importância do enfermeiro se divide em dois grandes momentos: um relacionado à pandemia, e o pós-pandemia, que é o envolvimento no processo de vacinação. “O enfermeiro durante a pandemia tem colocado claramente suas potencialidades à serviço da sociedade. E isso é percebido quando conferimos os dados estatísticos. Os nossos pacientes estão saindo relativamente bem das unidades de saúde”, observa a servidora. Na vacinação, acrescenta, diferentes papéis são exercidos pelo profissional, como a atuação na rede de frios e na logística de distribuição, entre outras atividades.

Angelita é enfermeira há 30 anos

A enfermeira reconhece que este é um momento histórico: “Vou completar 30 anos de graduação. Também sou docente universitária. Quando falávamos de pandemias e epidemias ou dados epidemiológicos durante os estudos, tudo parecia distante. Criamos cenários para que o aluno se sentisse dentro de um evento desta natureza. Nunca poderia imaginar que estaríamos dentro de uma pandemia de verdade”, destacou.

Para a enfermagem, segundo Angelita, ser protagonista no processo de enfrentamento da pandemia, seja no planejamento ou na assistência, tudo contribui para superar os momentos dolorosos. “As equipes fazem de tudo para que o paciente saia da melhor forma possível”, finalizou.

Gláucia Souza, estudante do 10º período de enfermagem e voluntária na vacinação de Covid-19 em Porto Velho, já experimenta no dia a dia a rotina de um profissional.

Gláucia é estudante de enfermagem e voluntária na vacinação

Ela atua na vacinação e revela sua admiração com a importância da profissão neste momento. “O enfermeiro tem seu papel na unidade básica principalmente como promoção em saúde, prevenção e na vacinação. Cada pessoa que chega provoca muita emoção e vacinar agrega muito na minha formação”, disse. E aos profissionais já formados, ela deixou seu reconhecimento: “Eu só tenho que dizer muito obrigada”.

​Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Facebook Comments