infra_estruturas_portos_construcao_remodelacao_ampliacao_natal_02-660x330

O príncipe saudita Khaled bin Alwaleed, presidente do grupo KBW, vai investir um bilhão de reais (cerca de 410 milhões de dólares) no Brasil. Sendo que 40 milhões de reais (16 milhões de dólares) serão direccionados para uma fábrica de gruas no Ceará. Os equipamentos aqui produzidos serão exportados para a empresa italiana Raimondi Cranes, recentemente adquirida pelo KBW.

Os investimentos do grupo no Brasil já começaram no ano passado, no complexo portuário especializado em petróleo, o PetroCity, no Espírito Santo. As áreas de maior interesse para Khaled bin Alwaleed são as infra-estruturas, petróleo e gás, construção e logística. O grupo KBW já tem a sua sede em Santa Catarina (região sul) e, segundo Khaled bin Alwaleed, este “é um mercado atraente”.

Khaled bin Alwaleed é o filho mais velho do príncipe Alwaleed bin Talal, o homem mais rico da Arábia Saudita, com uma fortuna avaliada, em 2013, em 20 bilhões de dólares.

Fonte: Exame

Facebook Comments