Presos do Urso Panda pedem ajuda à OAB e Pastoral: maus tratos e abusos

Preso do Pavilhão J do Panda, exibindo escoriações
PORTO VELHO- Durante uma visita no último feriado, presos do Pavilhão J do presídio Urso Panda (Edvan Mariano Rosendo), de Porto Velho, informaram que está ocorrendo maus tratos, abuso de autoridade da parte da direção referido do presídio. 
“Estamos pedindo ajuda do Conselho da Comunidade, pastoral, OAB  e até mesmo da Sejus”,  contou um preso à mãe dele durante visita.

De acordo com a denúncia, o diretor estaria agindo de forma arbitrária, mandando espancar presos que não são de facção.

Os presos também estariam sendo ameaçados  pelo CV, PCC e PCP. Os presos do Panda estão no seguro, ou seja, protegidos. Mas não é o que está acontecendo.

Facebook Comments