A Polícia Civil prendeu na tarde desta quarta-feira (19) o atirador contratado por um adolescente, de 16 anos, que mandou matar o próprio pai, o comerciante Juscelino Fontenele Magalhães, 46, conhecido como “Pio”, em maio, em Porto Velho.

O pedreiro Adelson Góes dos Santos, de 44 anos, chegou escoltado por policiais na Delegacia de Homicídios da capital por volta das 15h. Ele estava escondido em Itapuã do Oeste. O homem é o quarto participante detido pela morte de Juscelino Magalhães. A arma usada no crime ainda não foi encontrada.

Os policiais já tinham apreendido um adolescente de 16 anos, que foi o mandante da morte do pai. Na ocasião também havia sido preso Antônio Edson F. de O, 27, responsável por pilotar a moto usada na fuga no dia do crime. Na  última sexta-feira (14). os policiais prenderam um outro envolvido, Ualisson N. S., 24 , que teria dado apoio em um carro modelo HB20. Ele foi preso no bairro Aeroclube e trabalhava como motorista de aplicativo.

O assassinato aconteceu no mercado do pai do suspeito, em dia 10 de maio, no Bairro Socialista, em Porto Velho. O menor está em uma unidade de internação. Segundo a Civil, o intermediador ainda segue foragido e a polícia ainda faz diligências pra encontrá-lo

Fonte: MaisRO

Facebook Comments