Nenhum outro membro da classe dos juristas – indicado pela Seccional rondoniense da Ordem dos Advogados do Brasil – chegou a permanecer por tanto tempo a serviço da Justiça Eleitoral. Mesmo no Brasil, somente em um estado da federação houve algo semelhante, um membro da classe ser indicado quatro vezes para a Justiça Eleitoral.

Nesta quarta-feira (4), foi publicado no Diário Oficial da União o decreto do presidente Jair Bolsonaro reconduzindo Clênio para o cargo de juiz titular do Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia.

Em junho de 2020, foi homenageado pela Corte Eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia, pelos anos em que atuou como juiz eleitoral, representando a classe dos juristas, nos biênios de 1996/1998, 1998/2000 e 2018/2020. A homenagem veio com o agradecimento pelos profícuos serviços prestados à Justiça Eleitoral.

A trajetória jurídica de Clênio na justiça eleitoral, bem como de outros notórios advogados eleitoralistas, como Juacy Loura, Diego Vasconcellos, Paulo Rogério José, Reginaldo Joca, entre outros, indica que já é tempo do Conselho Federal da OAB olhar com mais atenção para o Estado de Rondônia na hora de compor sua lista tríplice para o Tribunal Superior Eleitoral.

SOBRE CLÊNIO AMORIM CORREA

Ex-Aluno da Escola de Magistratura do Estado de Rondônia-EMERON-, Clênio Amorim Corrêa estudou na escola Dom Bosco, em Porto Velho, e fez seu curso de Direito no Centro de Estudos Superior do Estado do Pará, em 1981.

Outros dados sobre o juiz:

 Agosto/Dezembro/1981 – Advogado da Procuradoria Geral do Ex-

Território de Rondônia.

– Janeiro/Dezembro/1982 – Defensor Público – Procuradoria Geral do

Estado de Rondônia.

 – Março/1983 a Abril/1984 – Delegado da SUNAB em Porto Velho-RO.

 – Abril/Dezembro/1984 – Assessor Jurídico do Tribunal de Contas do

Estado de Rondônia.

 – Janeiro/Junho/1985 – Secretário Geral da Junta Comercial do Estado de

Rondônia. Diretor Administrativo e Financeiro do Beron Crédito Imobiliário

S/A.

 – Março/1991 a Maio/1992 – Diretor Superintendente do Instituto de

Pesos e Medidas do Estado de Rondônia.

– Setembro/1996 a Setembro/1998 – Juiz Titular do Tribunal Regional

Eleitoral do Estado de Rondônia, decreto de nomeação publicado no Diário

Oficial da União do dia 06.09.96.

 – Presidente em exercício do Tribunal Regional Eleitoral, períodos

Dezembro 96/Janeiro 97 – Dezembro 97/Janeiro 98

 – Juiz Titular do Tribunal Regional Eleitoral, recondução – período

1998/2000.

 – Sócio Fundador do Instituto Brasileiro de Direito Eleitoral-IBRADE.

 – Aposentadoria voluntária do cargo de Advogado da União publicado no Diário Oficial da União nº 123, em 29.06.2016, seção 2, pág.3.

 – Advogado Voluntário do TRE/RO (ano 2017) visando assistência

jurídica gratuita, por meio da  Resolução TRE/RO n. 18/2013 , considerando

a  Resolução CNJ n. 62/2009 .

 – Juiz Titular do Tribunal Regional Eleitoral – período 03/05/2018 à 02/

05/2020.

– Presidente em exercício do TRE/RO – Dezembro de 2018/Janeiro

2019; Janeiro 2020

Fonte: Tudorondonia

Facebook Comments