Presa a acusada de assassinar jovem a facadas durante cobrança de dívida

Vitória Pinheiro Alves de Lima, 19 anos, foi presa preventivamente na manhã desta segunda-feira (22), por investigadores da Delegacia de Homicídios de Porto Velho, acusada de matar facadas a jovem Jéssica Alves Rodrigues, 20 anos, na noite do dia 4 de outubro deste ano, na Linha Eletronorte, bairro Aponiã, na zona leste da capital.

Após o crime, Vitória Pinheiro foi reconhecida e abordada pela Policia Militar durante uma operação que aconteceu na capital.

Rapidamente, investigadores da Delegacia de Homicídios foram acionados e encaminharam à acusada para a sede da Polícia Civil, onde ela acabou confessando o crime.

Aos policiais, Vitória alegou que matou a vítima para se defender de uma agressão à paulada que Jéssica queria praticar contra ela no dia do crime.

Por não possuir mandado de prisão, Vitória foi liberada, mas as investigações avançaram, o delegado representou pela preventiva da acusada e a justiça deferiu.

Nesta segunda-feira, os policiais localizaram Vitória e cumpriram o mandado de prisão, encaminhando a acusada para a penitenciaria estadual, onde ficou à disposição da justiça.

O crime

Conforme informações apuradas pela reportagem, o marido de Jéssica havia vendido uma motocicleta para o esposo de Vitoria.

No dia do crime, a vítima foi na residência da suspeita na companhia do seu esposo para cobrar a dívida.

Houve discussão e luta corporal entre Jessica e a outra mulher. Foi nesse momento que a vítima foi esfaqueada no tórax.

O homem relatou ainda, que no momento em que ele colocava Jéssica dentro de um veículo para socorrê-la, a irmã de Vitória tentou impedir fechando a porta do carro, mandando jogar a vítima no chão, afirmando que ela tinha que morrer.

Desesperado, o marido da vítima conseguiu colocar Jéssica no carro e a socorreu até a UPA Leste, mas ela não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu.

Durante as diligências, os policiais apreenderam uma adolescente e o aparelho celular dela, onde havia conversas com a irmã, combinando de matar a vítima antes do assassinato acontecer.

Fonte: Rondoniagora

Facebook Comments