Prefeitura de Porto Velho planta mais de 16 mil mudas em dois anos

A Prefeitura de Porto Velho encerou nesta segunda-feira, 28, as atividades do projeto de arborização coordenado pelo Núcleo de Arborização Urbana, da Secretaria de Meio Ambiente (Sema). O fechamento das atividades aconteceu no Parque Circuito com um plantio simbólico de 50 mudas de espécies variadas de árvores.

Edjales capa 01Para o secretário Edjales Benício de Brito, da Sema, o ano foi proveitoso e o município conseguiu avançar na questão da arborização da cidade. De novembro do ano passado até este mês, a Sema fez o plantio de 16,02 mil mudas na área urbana da cidade e nos distritos do eixo da BR 364.

De novembro de 2014 a março de 2015, foram feitos 2,65 mil mudas, de abril a novembro deste ano, mais 11,53 mil mudas e em dezembro 1,83 mil mudas. Somadas as 50 mudas plantadas no Parque Circuito, a Sema já havia plantado 1,80 mil mudas no distrito de Vista Alegre do Abunã.

“Conseguimos avançar, neste ano, não só nessa questão do plantio, mas também na área política com a aprovação de projetos importantes na Câmara Municipal, como o Plano Diretor de Arborização Urbana de Porto Velho e o que institui a Política Municipal de Mudanças Climáticas, Serviços Ambientais e Biodiversidade”, explicou.

Com a sanção da lei pelo prefeito Mauro Nazif, Porto Velho, lembra o secretário, passará a tratar a questão da arborização urbana como política de estado e não de governo, que a realização de ações pontuais. “Lei vai valer não apenas para esse governo, mas para os futuros também. Tudo será definido na lei, é só eles colocarem em prática”, explicou.A Sema também conseguiu neste ano estruturar melhor o Núcleo de Arborização Urbana, com a aquisição de equipamentos e maquinários necessários para que as equipes do núcleo possam desenvolver suas atividades.

 O diretor do núcleo, o engenheiro florestal Dennis de Souza Oliveira lembrou que a programação de plantio para o período de novembro de 2014/março de 2015, foi feita com o objetivo de recuperar Áreas de Preservação Permanente (APP), áreas verdes, espaços e vias públicos da cidade.

As 2,65 mil mudas estão distribuídas nas avenidas Mamoré, Rio de Janeiro, Campos Sales, Rio Madeira, Cahula/Guaporé – Daniela, nos canais dos Tanques, do Jardim América, da Marechal Rondon e do Contorno.

Texto Joel Elias | Fotos  Medeiros

Facebook Comments