Prefeito usou dinheiro de casas populares para pagar artistas

0
172

O prefeito de Rio Bonito (RJ), Leandro Peixe (Republicanos), gastou valores milionários com artistas como Zezé di Camargo e Luciano, Ludmila, Ferrugem, entre outros

O prefeito de Rio Bonito (RJ), Leandro Peixe (Republicanos), usou R$ 1.572.505,97 do Fundo Municipal de Habitação de Rio Bonito (FMHRB) para pagar os cachês de artistas famosos, como Zezé di Camargo e Luciano, Ferrugem e Ludmila, que se apresentaram na festa de 176 anos da cidade, entre os dias 5 e 8 de maio.

De acordo com informações publicadas nesta quarta-feira (22) pelo site O São  Gonçalo, nos quatro dias de festejos, entre 5 e 8 de maio, foram gastos quase R$ 2 milhões, sendo R$1.207,650 em cachês para Zezé di Camargo e Luciano, Ludmila, Ferrugem, entre outros, e mais R$ 542.812,00 em infraestrutura, montagem de palco e banheiros químicos.

Em quatro dias (R$1.750,462,00) foram gastos bem mais do que o reservado para investimentos durante todo o ano de 2022 com as secretarias de Cultura e Turismo (R$ 957 mil); de Saúde (R$ 3 mil), de Assistência Social (R$ 3 mil); de Comunicação Social (R$ 526 mil); e no Fundo Municipal do Idoso (R$ 5 mil) e Controladoria Geral do Município (R$ 59 mil), o que totaliza R$ 1.553.000,00 para todo o ano de 2022, conforme a Lei orçamentária de 20 de dezembro de 2021.

Brasil 247