Foto: Lente Nervosa

Agentes da Delegacia Especializada em Crimes contra a Vida, em operação conjunta com policiais da Delegacia Especializada em Repressão a Furtos, Roubos, Extorsões, Sequestro, Estelionatos e outras Fraudes (Patrimônio), prenderam na manhã desta quinta-feira (30), Wesley Ferreira dos Santos, 21 anos.

De acordo com as investigações, Wesley é suspeito de matar o capitão e piloto da Base Aérea Ericristhowam Silagi da Silva, 32 anos, no dia 25/04, após uma tentativa de roubo em residência, na Avenida Presidente Dutra com Herbert de Azevedo, região Central de Porto Velho (RO).

Durante a prisão, os policiais localizaram uma arma de fogo tipo revólver, calibre 32 com três munições intactas escondida em sua residência. O foragido reagiu à prisão, mas foi capturado e agora responderá também por posse ilegal de arma de fogo e resistência a prisão.

Entenda o caso

De acordo com as investigações, o militar teria se assustado com a presença dos ladrões em sua casa e esboçado reação, momento em que Wesley teria atirado contra o militar, atingindo-o na região da cabeça e tórax.

Segundos as investigações, outros elementos participaram do crime, dentre eles o casal Adriano M.C e Raquel F.G que ajudou na fuga, os quais já estão presos. Encontram-se foragidos Lucas Barbosa de Oliveira Neto e Alecsandro Ribeiro da Silva.

Fonte: Mais RO com informações da PC-RO

 

Facebook Comments