Diante do aumento dos casos positivos da Covid-19, o novo coronavírus, entre servidores e detentos das unidades prisionais do Estado de Rondônia, o deputado Anderson Pereira (PROS), alerta para a necessidade de agir preventivamente, visando identificar para isolamento e tratamento evitando maior dissipação do vírus, que indiciou ao Governo do Estado e Secretaria de Estado da Saúde (Sejus), que sejam realizados em caráter de urgência, testes rápidos para constatação de infectados.

De acordo com o deputado Anderson a situação é preocupante e requer medidas para soluções urgentes, pois as unidades em todo Estado não tem condições de oferecer isolamento devido a carência de espaços, o que pode ocasionar uma contaminação coletiva, em massa, podendo custar muitas vidas. Por outro lado, a contaminação de servidores pode ocasionar em uma crise no sistema prisional devido a necessidade de afastamento, o que consequentemente geraria insuficiência de contingente para o cumprimento da segurança nas unidades prisionais.

Para evitar que óbitos coletivos venham acontecer, e até mesmo trabalhadores possivelmente infectados levem o vírus para seus lares, famílias, que o deputado Anderson Pereira indica tal medida, pois como já não bastassem os servidores lutarem intensamente contra a criminalidade dentro das cadeias, passaram a conviver também com o risco de contraírem essa doença traiçoeira que interrompeu milhares de vidas no mundo inteiro.

No estado os números de infectados já se aproximam de 14 mil, mortes mais de 360, sendo de total importância a identificação de novos infectados para tratamento, pois a saúde pública não possui leitos suficientes para intenção, principalmente em UTIs.

Fonte: Assessoria 

Facebook Comments