Palmeiras vai à 20ª Copa Libertadores e bate recorde brasileiro

Time de Mano Menezes participará pela quinta vez consecutiva do torneio; o recorde é do São Paulo, sete

O ponto conquistado no empate de sábado, contra o Corinthians, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, garantiu a classificação do Palmeiras para a Copa Libertadores em 2020. À espera das últimas seis rodadas, quando definirá com base na classificação final se entra direto na fase de grupos ou passa por fases preliminares (vulgarmente chamada de pré-Libertadores), o time comandado por Mano Menezes já garantiu um recorde: é o brasileiro com mais classificações para o torneio na história.

O Palmeiras disputará a Libertadores pela 20ª vez em 2020. Grêmio e São Paulo ainda disputam uma vaga na próxima edição e podem igualar este número nas próximas semanas. Hoje têm 19 classificações.

Além deste recorde, o Palmeiras também se aproxima da maior marca histórica de participações consecutivas. Será a quinta vez em 2020, com presença garantida desde 2016. O Grêmio vive a mesma realidade, mas ainda depende de pontuação no Brasileiro para igualar o Palmeiras. Na história, só dois clubes possuem marcas tão importantes: o Atlético-MG, com cinco idas entre 2013 e 2017, e o São Paulo, que detém o recorde histórico de sete consecutivas, entre 2004 e 2010.

Ao todo, 28 clubes brasileiros já participaram da Libertadores, com 18 títulos. Para 2020, além do Palmeiras, já se garantiram o Flamengo (pela pontuação no Campeonato Brasileiro) e o Athletico-PR (campeão da Copa do Brasil), restando mais quatro vagas.

Neste momento, estariam classificados Grêmio, São Paulo e Internacional, que tem os mesmos 49 pontos do Corinthians – curiosamente, os dois se enfrentam no domingo, às 18h, na Arena de Itaquera.

Com os três times brasileiros agora são 22 classificações garantidas para a Libertadores:

Argentina: Racing, Defensa y Justicia, Tigre, Boca Juniors e River Plate (falta 1)
Bolívia: Bolívar (faltam 3)
Brasil: Athletico-PR, Flamengo e Palmeiras (faltam 4)
Chile: (faltam 4)
Colômbia: Junior Barranquilla e Independiente Medellín (faltam 2)
Equador: Barcelona, Macará e Independiente del Valle (faltam 2)
Paraguai: Olimpia, Cerro Porteño e Libertad (falta 1)
Peru: Deportivo Binacional e Sporting Cristal (faltam 2)
Uruguai: (faltam 4)
Venezuela: Caracas, Deportivo Táchira e Estudiantes de Mérida (faltam 2)

A Libertadores de 2020 começa a ser disputada na quarta semana do ano, entre os dias 20 e 24. São três fases preliminares antes da fase de grupos, que inicia na primeira semana de março e acaba em maio, com sorteio dos cruzamentos no dia 13. Haverá uma pausa entre junho e julho para disputa da Copa América. A final única está prevista para o dia 21 de novembro, um sábado, e será no estádio do Maracanã.

Fonte: UOL

Facebook Comments