Começa a funcionar nesta terça-feira (30), atendendo a todo o Palácio Rio Madeira (PRM), em Porto Velho, o novo sistema Sistema de Gestão de Segurança (Geseg), que tem por finalidade cadastrar e organizar o fluxo de entrada e saída de pessoas nos edifícios do Palácio Rio Madeira.

O tenente PM Gleidson Benfica Fernandes, coordenador do Sistema Integrado de Segurança Eletrônica da Casa Militar, explica que o sistema utilizado anteriormente “não possibilitava modificações e atualizações para atender o público com agilidade. O novo sistema foi desenvolvido para que o controle de acesso seja realmente efetivo e focado especificamente na segurança.”

“Uma equipe de desenvolvimento está empenhada diariamente na atualização e amadurecimento do sistema, possibilitando a expansão de seus recursos e funcionalidades, conforme a demanda recebida” ressalta Eurico Neto, prestador voluntário de Serviços Administrativos da Casa Militar.

O sistema solicita nome completo, o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), além do horário de entrada e saída do visitante. Esses dados são preenchidos pelos membros de comissão de cada pasta do governo do Estado e enviados para a Coordenação da Casa Militar que, posteriormente, realiza o procedimento de ciência e aprovação da visita com o objetivo de proporcionar maior controle e segurança do público que frequenta o palácio.

O sistema também é utilizado para credenciamento da imprensa externa. Os veículos de comunicação interessados na cobertura de eventos, solenidades, ou até mesmo entrevistas pré-agendadas, devem se credenciar, conforme o objetivo pretendido, junto à Superintendência Estadual de Comunicação (Secom), enviando os nomes dos integrantes da equipe para o e-mail [email protected]

É importante ressaltar que a Secom possui um banco de dados com as informações dos integrantes dos veículos, mas isso não significa que o credenciamento seja automático. “Os avisos de pauta são enviados para todos os veículos cadastrados no mailing da superintendência por meio de plataforma de e-mail marketing e via lista de transmissão em aplicativo de mensagens. As sugestões de pauta realizadas nas dependências do PRM são disparadas com um pedido de confirmação de presença dos veículos, com a intenção de dar maior celeridade ao fluxo de trabalho interno” explica, Lenilson Guedes, Superintendente Estadual de Comunicação.

Fonte: Secom

Facebook Comments