Pacientes com deficiências ou enfermidades recebem doação de fraldas da Prefeitura

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Saúde, realiza a entrega de fraldas descartáveis para cerca de duzentos pacientes entre crianças, adolescentes, adultos e idosos com deficiências ou enfermidades que necessitam do material.     Segundo observou o secretário da Semusa, Domingos Sávio, o programa de entrega de fraldas são para deficientes físicos e pessoas acamadas com incontinência urinária cadastradas na Secretaria. “São cento e vinte unidades mensais de fraldas para uma média de quatro trocas diárias. Isso representa uma economia de cerca de duzentos reais por mês para o paciente. O prefeito Mauro Nazif dentro da politica de levar a saúde à população nos desafiou a atender da melhor forma possível essas pessoas e o Município por lei tem essa responsabilidade”, ressaltou.

  Iolanda do Remédio Souza Silva, chefe em exercício da Divisão de Serviço Social da Semusa, relata que a retirada das fraldas é feita pelo cuidador responsável pelo paciente no almoxarifado da Secretaria. “São fornecidas as fraldas geriátricas e pediátricas pequenas, médias, grandes e extra grandes. Do público, mais de quarenta por cento são idosos, depois são de adultos (a partir de vinte anos).  Somente em casos especiais é que realizamos entregas”, declarou.

Desde 2013, a Semusa realiza esse atendimento e com o crescimento da demanda nos últimos anos  foi elaborado um protocolo referente à distribuição de fraldas no município.  “Temos quatrocentos cadastrados. Mas nem todos estão dentro do perfil. Dentre os critérios está que o paciente tem que ser residente em Porto Velho,  receber no máximo dois salários mínimos por família, laudo médico,ser  portador de doenças crônicas, degenerativas e acamados”, concluiu.

Facebook Comments