Operação ‘‘Rondônia Comunidade Segura’’ prende mais de 45 foragidos em 10 municípios do Estado

Cerca de 50 kg de drogas, armas e munições, dinheiro falso, placas de veículos roubados também foram apreendidos

A operação ‘‘Rondônia Comunidade Segura’’, realizada, nesta sexta-feira (29), de forma integrada entre as forças de Segurança Pública do Estado, resultou na prisão de 47 foragidos da Justiça ou que estavam infringindo medidas administrativas penais. Além de apreensão de dois veículos, cerca de 50 kg de drogas, armas e munições, dinheiro falso, placas de veículos roubados, e outros produtos de roubos recuperados.

O resultado da operação foi anunciado em coletiva de imprensa. De forma simultânea, a operação “Rondônia Comunidade Segura” foi deflagrada em Porto Velho, Candeias do Jamari, Guajará- Mirim, São Miguel do Guaporé, Ariquemes, Jaru, Ji-Paraná, Cacoal, Vilhena e Rolim de Moura. Na capital, a ação foi executada no Residencial Orgulho do Madeira e teve um total de 10 prisões.

Em coletiva de imprensa, Sesdec pontua resultado da operação integrada das forças policiais em Rondônia

A operação contou com o emprego de 85 policiais militares, 170 policiais civis, nove bombeiros e 50 policiais penais. O secretário de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), José Hélio Cysneiros Pachá, parabenizou os envolvidos. ‘‘São nossos heróis anônimos que estão nas ruas todos os dias’’, considera.

Foram empregadas ainda cerca de 90 viaturas e duas unidades de resgate do Corpo de Bombeiros Militar de Rondônia (CBM/RO). Para o resultado considerado exitoso, houve o levantamento prévio de mandados de prisão e um trabalho minucioso de investigação. Foi ainda reconhecido o trabalho da Delegacia Especializada em Repressão de Crimes contra o Patrimônio, que expediu mandados de busca e apreensões. Também houve, durante a operação, o flagrante de um menor de idade, por tentativa de roubo.

A iniciativa é uma missão do Governo de Rondônia, comprometido em garantir a segurança da população, resgatar a credibilidade das instituições de Segurança, além de diminuir o sentimento de impunidade, pois coloca à disposição da Justiça aqueles que cometeram crimes. ”Estamos integrados para o enfrentamento ao crime”, assinala o coronel Pachá, titular da Sesdec.

Fonte: Secom – Governo de Rondônia

 

Facebook Comments