ONDE ESTÃO CARLÃO DE OLIVEIRA E MARCOS DONADON?

PORTO VELHO- Quatro ex-presidentes da jovem Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE), acusados de montar esquemas de corrupção para roubar o dinheiro dos rondonienses, estão tendo um acerto de contas com a Justiça. Na cadeia estão dois deles: o ex-presidente Natanael Silva acusado de desviar dinheiro da Assembleia quando foi presidente em 2001 e o ex-deputado estadual Valter Araújo.  Já Marcos Antonio Donadon e Carlão Oliveira estão foragidos da Justiça.

Essas prisões são possíveis por causa de uma decisão da mais alta corte brasileira, o Supremo Tribunal Federal (STF). Os ministros decidiram recentemente que um réu condenado em primeira e segunda instancia deve já começar a cumprir a pena, mesmo que recorra a terceira (STJ) e quarta instância (STF).

É por isso que Valter de Oliveira e Natanael Silva, que cometeram seus crimes ainda na década de 90, só foram para a cadeia agora. Todos eles sempre recorriam de suas condenações em liberdade. Agora eles podem recorrer, mas na cadeia.

pol_marcos_donadon_155x155

Marcos Donadon

Marcos Donadon, foi denunciado ainda na década de 90 por desviar mais de R$ 8 milhões da ALE no período que era presidente. Ele foi condenado por peculato e formação de quadrilha. Marcos Donadon presidiu o parlamento rondoniense entre 1995 e 1999. Marcos Donadon está foragido, mas mesmo escondido, fez uma doação e elegeu Rosani Donadon, prefeita de Vilhena.

Natanael Silva

Natanael Silva

Natanael Silva também presidiu o Poder Legislativo do Estado no início da década passada, em 2001, e foi condenado em 2010 por desvio de recursos públicos. O ex-presidente foi preso pela Polícia Federal em Goiás em 21 de março deste ano e já cumpre pena em Rondônia. Natanael está preso em regime fechado.

Carlão de Oliveira

Carlão de Oliveira

Carlão de Oliveira foi denunciado na operação Dominó em 2006. Todo esquema desviou mais de R$ 70 milhões dos cofres públicos de Rondônia. Carlão foi preso em flagrante ainda quando exercia o mandato de deputado estadual e de presidente da ALE/RO em 2006. A Justiça de Rondônia condenou o ex-presidente a mais de 14 anos de prisão em regime fechado. Carlão está foragido, mas mesmo em lugar não sabido, conseguiu eleger dois filhos a cargos eleitivos: Jean de Oliveira, deputado estadual e Márcio de Oliveira, vereador em Porto Velho.

valter-araújo-2016

Valter Araújo

Valter Araújo também foi presidente da ALE/RO e em 2011 foi detido acusado na operação Termópilas de chefiar uma quadrilha que desviou mais de 12 milhões dos cofres públicos de Rondônia. Conseguiu um habeas corpus e saiu da cadeia. Logo foi considerado foragido da justiça entre 2011 e 2013 quando foi preso novamente. Atualmente, cumpre pena em regime domiciliar pelo crime de falsidade ideológica.

 

CONFIRA O VÍDEO:


 

Fonte : Mais RO com informações da REDE TV

Facebook Comments