Mulher que estava desaparecida é encontrada morta em guarda-roupas do vizinho

Ângela Maria Silva Duarte, 52 anos, foi encontrada morta e sem roupas em um guarda-roupas da casa de um vizinho dela, na tarde de quinta-feira (6). O suspeito de ter cometido o crime está foragido.

O caso aconteceu na rua ventura Antunes, bairro Greenville, 2° Distrito de Ji- Paraná. Ângela estava desaparecida há mais de 24h horas.

De acordo com familiares, ela e o marido haviam arrecadado uma boa quantia em dinheiro para iniciar a reforma da casa em que moravam e teriam contratado o vizinho, identificado como Vanderson F., 31 anos, para reformar alguns móveis.

O dinheiro estava com Ângela. O contato dela com o suspeito era diário, o que fez com que a família fosse até a casa de Vanderson para perguntar sobre o paradeiro dela.

Nervoso e se contradizendo durante a conversa, ele acabou ficando sob suspeita. Como ela não aparecia, os familiares retornaram a casa do suspeito, mas ele não estava.

Preocupados, arrombaram a porta da casa e começaram a procurar pela mulher. O marido, ao abrir o guarda-roupa se deparou com o corpo da esposa, nua e com marcas de estrangulamento.

O suspeito ainda está foragido. O dinheiro de Ângela também sumiu. A polícia investiga o caso e não descarta a hipótese de latrocínio. Exames de corpo de delito irão apontar se a vítima foi violentada antes de ser morta.

Fonte: Rondoniagora