MELHORIA NA SAÚDE DE RO: GOVERNO DISPÕE DE MAIS 15 LEITOS DE UTI NO HB

Governo mantém avanço na Saúde e entrega moderna UTI

 

 

Williames Pimentel, secretário da Saúde de RO
Williames Pimentel, secretário da Saúde de RO

Mais 15 novos leitos de UTI vão reforçar, a partir de hoje, a oferta no Hospital de Base (HB), em Porto Velho. No total, são 10 leitos para clínica geral – adulto -, quatro para recuperação cardíaca e um leito de isolamento, destinado a pacientes portadores de doenças infectocontagiosas que necessitam de tratamento intensivo.

A entrega dos leitos foi feita nesta quinta-feira pelo secretário estadual de Saúde Williames Pimentel e pelo diretor-geral do HB, médico Nilson Paniágua. A ala passou por reforma, ampliação e ajustes. As obras duraram 40 dias e foram investidos R$ 150 mil em recursos próprios do governo de Rondônia.

pimentel2De acordo com o secretário, a entrega dos leitos é mais uma vitória do governador Confúcio Moura para dotar toda a rede de Saúde do Estado de infraestrutura moderna, condições dignas de trabalho para os servidores e, principalmente, garantir um atendimento humanizado aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

pimentel3Pimentel disse ainda que toda a ala foi equipada com monitores cardíacos, monitores pulmonares, camas elétricas – que vão facilitar o manuseio-, os leitos têm divisórias – para manter a privacidade do paciente -, e todos os materiais de última geração necessários para que a UTI funcione com capacidade total.

 

 

Ambiência

O diretor-geral do HB Nilson Paniágua destacou o salto de qualidade, em especial na ambiência da unidade. Ele explica que se trata do espaço físico, social, profissional e de relações interpessoais que devem estar em sintonia com um projeto de Saúde voltado para a atenção acolhedora, resolutiva e humana. Segundo Paniágua, a medida faz parte da Política Nacional de Humanização (PNH) e  tem como uma de suas diretrizes a valorização da ambiência, com organização de espaços saudáveis e acolhedores de trabalho.

Dentro das normas

A sala para a guarda de recipientes de transporte interno de resíduos tem pisos e paredes lisas e laváveis, sendo o piso ainda resistente ao tráfego dos recipientes coletores, todas essas normas foram respeitadas pela remodelagem feita na ala de UTI do HB, relata Nilson Paniágua. Possui, também, ponto de iluminação artificial e área suficiente para armazenar, no mínimo, dois recipientes coletores, para o posterior traslado até a área de armazenamento externo.

Texto: Zacarias Pena Verde

Fotos: Ítalo Ricardo

Assessoria Sesau

Facebook Comments