Em mensagem encaminhada à Assembleia Legislativa e publicada no Diário Oficial na terça-feira (5) e quarta-feira (6), o governador de Rondônia, Marcos Rocha, informou que estará ausente do Estado por 11 dias e transmitirá o cargo ao vice-governador, José
Atílio Salazar Martins, o “Zé Jodan” (PSL).

Na mensagem inicial a ausência de Rocha seria do dia 6 a 16, mas houve correção para 7 a 17 de janeiro.

Ainda segundo na mensagem, Marcos Rocha diz que a ausência se dará por interesse particular, “de forma que não haverá qualquer ônus para o Estado de Rondônia”. Ele não detalha para onde viajará.

A Constituição do Estado prevê a necessidade de autorização da Assembleia somente se
governador ou o vice forem se ausentar por mais de 15 dias consecutivos, de acordo com o Artigo 61.

Fonte: Rondoniagora

Facebook Comments